Como o youtuber Jake Paul surpreendeu Anderson Silva

Share it

Jake Paul derrotou Anderson Silva em duelo de boxe: Foto: Reprodução

Um youtuber desafia Michael Phelps para uma disputa nas piscinas. Outro chama o campeão Michael Jordan para bater uma bolinha. Você provavelmente não apostaria em nenhum desses influencers contra os dois monstros sagrados, certo? Com Anderson Silva, contudo, o resultado foi a derrota. Como e por que o Aranha, aos 47 anos, foi derrotado pelo americano Jake Paul, de 25 anos, no último sábado, dia 29 de outubro, em luta de boxe?

No duelo Jake Paul x Anderson Silva, de fato, a juventude falou mais alto. O ator 22 anos mais jovem provou mais uma vez que leva jeito para o esporte e chocou os fãs do brasileiro. Ele derrotou o lendário Anderson Silva por decisão unânime dos árbitros (77-74, 78-73 e 78-73), com direito a um knockdown no último round. O americano segue invicto em seis lutas (6v-0d) no boxe, enquanto o Aranha conheceu seu primeiro revés após duas vitórias desde que retornou à modalidade. 

Faminto pela vitória, Jake Paul tomou a iniciativa, mas Anderson usou bem as esquivas e desviou de boa parte dos golpes do adversário. O americano conectou mais socos no plexo do brasileiro, já que encontrou dificuldades para acertar a cabeça.  

Anderson tentou mexer com o psicológico do rival no segundo round. O Aranha tomou conta do centro do ringue, partiu para cima e encurralou o oponente. Após provocar, buscar o clinche e conectar mais golpes, Silva manteve a pressão no terceiro round, com um bom volume de socos. No entanto, Jake Paul teve o melhor momento do assalto. O americano aproveitou um momento em que Anderson baixou a guarda e acertou em cheio o nariz do brasileiro. A partir daí, viu-se uma cena incomum na carreira de Anderson. 

Em seus tempos áureos, Anderson Silva era inatingível. Usava as esquivas com genialidade e parecia brincar com os adversários. Quando era acertado, não dava sinais de abatimento. Defendia golpes com a ponta do queixo e tinha capacidade de absorção fora da curva. Aos 47 anos, a história não seria a mesma. O golpe de Paul provocou um sangramento no nariz do Aranha. O brasileiro tentou não se abater, mas Jake tomou conta do round seguinte e foi preciso nas combinações. 

O youtuber voltou ainda mais agressivo no quinto round, todavia Anderson se reergueu. Foi  dominante na maior parte do assalto e intimidou o adversário. Silva adotou comportamento mais passivo no sexto round, apesar da boa quinta etapa. Jake lançou mais socos e acelerou o ritmo do combate.

O sétimo round foi equilibrado. Ambos alternaram bons momentos, porém, Jake foi mais ofensivo, enquanto o Aranha, cansado, mostrou-se passivo.

Era tudo ou nada para Anderson Silva no oitavo round. Um dos maiores lutadores da história do MMA e protagonista na popularização do esporte no Brasil botava em jogo seu legado diante do youtuber Jake Paul. E prevaleceu a gana do americano. O momento decisivo foi um cruzado de direita que pegou na ponta do queixo do brasileiro. Anderson caiu. Ficou instantes sentado e se levantou. O que passou na cabeça do lendário lutador nestes segundos? Jake manteve a pegada e controlou o combate até o gongo soar pela última vez.

Jake Paul não venceu Anderson Silva por acaso. O youtuber foi digno da façanha que conseguiu diante de um dos maiores lutadores de todos os tempos. O youtuber se dedica exclusiva e obsessivamente ao boxe há cinco anos e já disputou seis lutas profissionais. Cada adversário foi escolhido a dedo. O americano estreou na modalidade em janeiro de 2020, contra o também youtuber AnEsonGib. Em seguida, deu um passo adiante e conquistou outra vitória por nocaute. Desta vez, contra o ex-jogador de basquete Nate Robinson. 

O objetivo de enfrentar lutadores de MMA se concretizou em sua luta seguinte. Jake pinçou o ex-UFC Ben Askren, que estava aposentado do MMA em razão de uma grave lesão no quadril e tinha a parte da trocação deficitária. Dito isso, Askren foi nocauteado por Jake no primeiro round, com um golpe singular. 

Jake Paul decidiu virar a chave em seu próximo compromisso. Ele mirou num veterano, ex-campeão do UFC e em má fase. Ou seja, Tyron Woodley, derrotado e completamente dominado em suas últimas quatro lutas no MMA. Woodley prometeu nocautear o ambicioso boxeador. Nada disso. Paul o derrotou na primeira vez por decisão unânime e aplicou um nocaute brutal na revanche. 

O que restaria para Jake Paul em seguida? Escolher uma lenda do MMA que tem se aventurado no boxe. Considerado um dos maiores strikers da história do esporte, Anderson carregava consigo a bagagem técnica e tinha as credenciais para acabar com as ambições de Paul. No entanto, o determinado americano driblou as habilidades do Aranha e o derrotou categoricamente. Um triunfo justo, digno do empenho de Jake.

Com a vitória sobre Anderson Silva, Jake Paul já selecionou seu próximo adversário. Trata-se do ex-UFC Nate Diaz: veterano, extremamente popular, mais leve e com menos poder de nocaute. Casamento ideal para Paul dar continuidade ao seu plano de carreira. Em entrevista após a luta, Jake Paul celebrou a vitória e disparou contra Diaz.

É surreal, Anderson é meu ídolo, ele é muito duro, uma lenda. Ei Nate Diaz, para de ser frouxo e venha lutar comigo”, desafiou Jake.

Depois de bater Anderson Silva, quem poderá dizer que Jake Paul não derrotará Nate Diaz num eventual duelo?

Confira abaixo o momento em que Jake Paul atordoou Anderson Silva:

Resultados do evento:

Jake Paul venceu Anderson Silva por decisão unânime (77-74, 78-73 e 78-73)

Ashton Sylve venceu Braulio Rodriguez por nocaute com 1min01s do R1

Alejandro Santiago venceu Antonio Nieves por nocaute técnico aos 3min do R7

Uriah Hall venceu Le’Veon Bell por decisão unânime (triplo 40-36)

Chris Avila venceu Mikhail Varshavski por decisão unânime (triplo 40-36)

Ler matéria completa Read more

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.