UFC 278: a noite determinante para José Aldo caçar o cinturão

Share it

José Aldo duarante coletiva do UFC no Rio de Janeiro. Foto: Carlos Arthur Jr/GRACIEMAG

José Aldo (31v-7d) se prepara para escrever mais um capítulo determinante de sua gloriosa carreira no sábado 20 de agosto. O brasileiro terá pela frente o georgiano Merab Dvalishvili (14v-4d), no peso-galo, em luta do card principal do UFC 278, em Salt Lake City, Estados Unidos. O manauara ocupa o terceiro lugar no ranking da divisão e uma eventual vitória sobre Dvalishvili, sexto colocado, pode credenciá-lo para uma disputa de cinturão.

Embalado por três vitórias seguidas e sedento pelo trono dos galos, Aldo, de 35 anos, pode vir a ser o primeiro homem do Brasil a vencer duas categorias do UFC, o peso-pena e o galo.

Porém, o veterano da Nova União tem uma pedreira pelo caminho. Merab Dvalishvili contabiliza sete triunfos consecutivos e não é derrotado desde abril de 2018. Em sua última apresentação no octógono, Merab sofreu, mas nocauteou Marlon Moraes, em setembro do ano passado.

Wrestler pragmático e com vigor físico invejável, Dvalishvili tem armas em seu jogo que podem anestesiar o poder de fogo do brasileiro. Quatro anos mais jovem do que Aldo, o georgiano não é conhecido pelo poder de nocaute com golpe singular, mas é fisicamente prendado, vive a melhor fase da carreira e tem um ótimo volume de golpes. No entanto, o georgiano não é dos que fazem estragos rápidos. Costuma optar pela rota mais duradoura. Ele soma dez vitórias na decisão dos jurados na carreira e, no Ultimate, nocauteou apenas Marlon, já em reta final de carreira.

Se Merab vive o grande momento de sua carreira, Aldo já vivenciou todas as facetas que o esporte poderia oferecer. Recordista de defesas de cinturão no peso-pena (com oito), o resiliente lutador sofreu derrotas doloridas para Conor Mcgregor, Max Holloway, Alexander Volkanovski e Petr Yan, mas se reergueu quando muitos o davam como superado.

A verdade é que José Aldo sempre foi à frente do seu tempo. O popular “Rei do Rio” engatou vitórias sobre Marlon “Chito” Vera, Pedro Munhoz e Rob Font, e se firmou como um postulante ao título.

Apesar da longa jornada no MMA, o faixa-preta não dá sinais de desaceleração. Pelo contrário: parece disparar na contramão depois dos deslizes que sofreu. Aldo tem a chance de chegar duas vezes ao topo em categorias diferentes. Manter-se motivado após as derrotas e se reinventar numa outra categoria é uma das raras características de um campeão. O manauara lapidado por Dedé Pederneiras tem um jogo favorável contra o rival.

Aldo possui 91% de aproveitamento na defesa contra quedas, tem alcance superior e é mais gabaritado na trocação. Para tentar quedar o brasileiro, Merab, inevitavelmente, terá que encurtar a distância, justamente no lugar em que Aldo é mais perigoso. E o ex-campeão peso-pena sabe ditar a tônica do combate como poucos na modalidade. Os icônicos chutes baixos e os jabs podem ser utilizados para evitar a aproximação do georgiano.

José Aldo e Merab Dvalishvili reservam fortes emoções para este sábado. Apesar da franca ascensão do georgiano, como há de duvidar de um lutador que se mantém no alto nível por mais de uma década e está a caça de mais uma glória?

E você, ainda duvida de José Aldo?

Confira o card completo do evento:

UFC 278

Salt Lake City, Utah

Sábado, 20 de agosto de 20222

CARD PRINCIPAL (23h, horário de Brasília):
Peso meio-médio: Kamaru Usman x Leon Edwards
Peso médio: Paulo Borrachinha x Luke Rockhold
Peso galo: José Aldo x Merab Dvalishvili
Peso galo: Wu Yanan x Lucie Pudilova
Peso meio-pesado: Tyson Pedro x Harry Hunsucker

CARD PRELIMINAR (19h de Brasília):
Peso pesado: Marcin Tybura x Alexandr Romanov
Peso leve: Léo Santos x Jared Gordon
Peso pena: Sean Woodson x Luis Saldaña
Peso meio-médio: AJ Fletcher x Ange Loosa
Peso mosca: Amir Albazi x Francisco Figueiredo
Peso galo: Aori Qileng x Jay Perrin
Peso mosca: Daniel Miojo x Victor Altamirano

 

 

Ler matéria completa Read more

Leave a Reply

Your email address will not be published.

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.