California Kid já fala no cinturão: “É de finalizadores que a categoria precisa”

Share it

Faber em ação no WEC 52. Foto: Josh Hedges.

Levou menos de um round para o ex-rei do peso pena confirmar seu domínio na nova categoria de peso. O California Kid apagou Takeya Mizugaki com um mata-leão no debute entre os  plumas.

A descida de peso não afetou o rendimento de Urijah Faber, que partiu para o ataque logo no inicio da luta, com socos e chutes bem respondidos pelo japonês. Na troca de pegadas no momento do clinch, Faber atacou uma guilhotina, Mizugaki defendeu, mas deu as costas. O faixa-roxa de Jiu-Jitsu travou com um triângulo na cintura e ajustou o mata-leão. O duro japonês resistiu até apagar a 1min e 36s do primeiro round.

“Os japoneses têm espírito de luta e esse o Mizugaki é conhecido por ser um cara que vai até o final. Então sabia que tinha que fazer algo drástico para vencê-lo”, falou Faber, logo após o golpe decisivo.

Agora, com um triunfo na categoria pluma e com o currículo impressionante em outras categorias, Faber está disposto a conquistar o cinturão da divisão, quando os lutadores passarem para o UFC em 2011. A cordialidade parece não existir entre o lutador e o atual campeão do peso pluma Dominick Cruz. 

“Queria finalizar. Sou um finalizador e acho que é disso que esta categoria precisa. Nós vamos para o UFC. Foi uma carreira impressionante no WEC, mas é a hora de intensificar os treinos, buscar o meu cinturão no UFC e viver o sonho. ”

A revanche Faber x Cruz – o primeiro encontro foi vencido pelo californiano em 2007 – parece ser uma disputa pelo título perfeita para o UFC. No entanto, antes Cruz tem que defender seu cinturão do WEC pela última vez contra Scott Jorgensen, na despedida do evento, em dezembro.

(Colaborou Junior Samurai)

Ler matéria completa Read more

Leave a Reply

Your email address will not be published.

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.