Ramon Lemos, faixa-preta de Jiu-Jitsu, e as crianças da UPP. Foto: Divulgação