Thiago Tavares sobre doping: “Jamais usaria algo proibido”

Share it
Thiago pretende investigar todos seus suplementos e medicamentos. Foto: Divulgação/UFC

Thiago pretende investigar todos seus suplementos e medicamentos. Foto: Divulgação/UFC

Após anúncio oficial do UFC, que dizia que Thiago Tavares foi pego no exame antidoping, o atleta catarinense veio a público explicar o ocorrido, por meio de nota enviada à imprensa.

O lutador da divisão dos leves acusou em seu exame traços de Drostanolona, e foi sentenciado pelo Ultimate a 9 meses de suspensão, devendo ser testado novamente após o período para de poder retornar aos octógonos.

Em resposta ao anúncio do UFC, o lutador enviou nota dizendo que está surpreso por ter testado positivo no exame, e que jamais seria capaz de utilizar qualquer suplemento fora dos padrões permitidos pela organização.

“Sempre prezei muito por minha carreira em todos esses anos e jamais seria capaz de usar algo que não fosse permitido”, disse o atleta na nota.

Veja abaixo o comunicado enviado por Thiago Tavares.

“Estou surpreso com a suspeita de doping anunciado pelo UFC. Em 13 lutas, fui submetido por sete vezes a exames antidoping e nunca fui acusado de fazer uso de qualquer substância ilegal, pois sempre prezei muito por minha carreira em todos esses anos e jamais seria capaz de usar algo que não fosse permitido.

“Minha equipe médica está trabalhando na investigação de todos os suplementos ou medicamentos usados dentro e fora do Brasil nos últimos meses que possam ter dado esse falso positivo no exame. As análises estão sendo feitas em laboratórios especializados, por pesquisadores da Universidade Federal de Santa Catarina, bem como todos os procedimentos médicos estão sendo investigados.

“Tenho vindo de uma sucessão de fatos que querem abalar minha carreira, como lutas adiadas, lesões, etc, e que me impediram de lutar o ano passado. Mas estou confiante de que minha carreira não será abalada por mais esse obstáculo. Já pedimos a contraprova para o UFC, e aguardamos os resultados das análises para que as providências sejam tomadas”

 

 

Ler matéria completa Read more

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.