Pan 2022: Quem pode parar Erich Munis e Gabi Pessanha?

Share it

[  Por Gabriel Almada ]

 

Todo grande evento de Jiu-Jitsu começa com muitas perguntas e termina com algumas respostas contundentes. O Pan de Jiu-Jitsu 2022, disputado entre 6 e 10 de abril, em Kissimmee, nos Estados Unidos, terminou com uma questão sonora – a que virou título deste artigo.

Afinal, quem pode parar os dois fenômenos Erich e Gabi, os impressionantes campeões do absoluto faixa-preta?

Gabi celebra o ouro absoluto. Fotos: Tyy Withrow / GRACIEMAG

Na final do absoluto masculino, um dos duelos mais aguardados do evento, Erich Munis (Dream Art) superou o duríssimo Fellipe Andrew (Alliance) por 4 a 0, para conquistar o ouro inédito.

Agora, Erich soma duas vitórias na faixa-preta contra o atual ouro duplo do Europeu. Na final superpesado, o craque da Dream Art fechou com Marcus “Scooby” (Alliance) e ficou com o segundo lugar.

Entre as mulheres, Gabrieli Pessanha confirmou o favoritismo e faturou o ouro duplo no torneio. No superpesado, a estrela da Infight derrotou a arquirrival Yara Soares (Dream Art) por 4 a 0.

Em seguida, Gabi venceu Yara por duas vantagens no absoluto para ser coroada. Aos 21 anos, ela conquistou o Pan de Jiu-Jitsu pela terceira vez. A cria da Cidade de Deus é a grande estrela da divisão feminina e mostra-se mais dominante a cada competição, para buscar implantar uma hegemonia na modalidade.

Erich Munis, o carrasco tranquilo, venceu mais um páreo duro na Flórida.

Outros destaques

Em combate eletrizante no peso-galo, Bebeto Ferreira (GFTeam) bateu o arisco Thalisson Soares (The Academy Byron Bay) para levar o ouro. O promissor atleta da GFTeam venceu o rival por 3 a 2 nas vantagens, após placar de 4 a 4.

Na final peso-pluma, Meyram Maquine (Dream Art) não deu chances a Lucas Pinheiro (Atos) e venceu por 7 a 2. O prodígio passou a guarda e montou em seguida, para garantir o lugar mais alto do pódio. Nos segundos finais, Lucas conseguiu uma raspagem.

O Pan 2022 reforçou que a categoria leve tem dono. E atende pelo nome de Johnatha Alves. O casca-grossa da Art of Jiu Jitsu (AOJ) finalizou três adversários para chegar à final, onde teve pela frente Andy Murasaki (Atos). Em luta bem apertada, Johnatha raspou o rival e assegurou a vitória por 2 a 0. Este foi o terceiro título pan-americano do astro, de apenas 23 anos, na faixa-preta.

Tainan Dalpra encantou e merecidamente foi o campeão no médio. A estrela da AOJ começou os trabalhos na competição com um triângulo avassalador sobre o talentosíssimo Roberto Jimenez. Na semifinal, Tainan travou verdadeira guerra com o casca-grossa Ronaldo Jr (Atos) e carimbou a vaga na finalíssima em grande estilo.

O fenômeno de 21 anos conseguiu uma raspagem, frustrou os ataques de Ronaldo e venceu por 2 a 0 nos pontos. Na decisão dos médios, Tainan impôs seu estilo agressivo, passou a guarda de Jeferson Guaresi e levou mais uma medalha de ouro para casa.

Lutar aos 41anos entre os adultos pode parecer loucura. A não ser que você seja um “Cyborg”. Pois bem: o incansável Roberto Abreu “Cyborg” mostrou por que é multicampeão na faixa-preta e dono de um currículo invejável. Ele faturou o ouro do pesadíssimo ao derrotar Gutemberg Pereira por 2 a 0, em confronto equilibrado.

“Guto” quase conquistou a vitória ao encaixar um armlock justíssimo, mas o craque da Fight Sports escapou.

Confira abaixo os resultados completos dos faixas-pretas no Pan de Jiu-Jitsu 2022:

Masculino

GALO
Bebeto Ferreira derrotou Thalisson Soares por 3 a 2 nas vantagens

PLUMA
Meyram Maquine derrotou Lucas Pinheiro por 7 a 2

PENA
Alex Sodré (campeão) e Diogo Sodré fecharam para a Nova União

LEVE
Johnatha Alves derrotou Andy Murasaki por 2 a 0

MÉDIO
Tainan Dalpra derrotou Jeferson Guaresi por 3 a 0

MEIO-PESADO
Sebastian Rodriguez (campeão) e Manuel Ribamar fecharam

PESADO
Dimitrius Souza (campeão) e Matheus Diniz fecharam

SUPERPESADO
Marcus “Scooby” (campeão) e Erich Munis fecharam

PESADÍSSIMO
Roberto “Cyborg” venceu Gutemberg Pereira por 2 a 0

O longevo Cyborg explode ao vencer o Pan.

Feminino

GALO
Mayssa Bastos derrotou Lavinia Barbosa por 9 a 0

PLUMA
Jessamine Khan derrotou Thamires Aquino por 2 a 0

PENA
Ana Rodrigues derrotou Amanda Monteiro no estrangulamento na montada

LEVE
Nathalie Ribeiro derrotou Ffion Davies por 2 a 0

MÉDIO
Thamara Ferreira derrotou Chloé McNally por 2 a 1 nas vantagens

MEIO-PESADO
Maria Malyjasiak finalizou Izadora Cristina no estrangulamento

PESADO
Melissa Cueto finalizou Maggie Grindatti no estrangulamento

SUPERPESADO
Gabi Pessanha derrotou Yara Soares por 4 a 0

ABSOLUTO
Gabi Pessanha derrotou Yara Soares por 2 a 0

E aí, caro leitor: quem vai conseguir destronar os fenômenos do Pan? Você comenta…

Ana Rod levou mais um ouro, com direito a montada e finalização.

Ler matéria completa Read more

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.