André Galvão empata no One FC; Gordon Ryan finaliza e provoca antes do ADCC

Share it

 

Por Gabriel Almada

Em fase de preparação para o ADCC 2022, os protagonistas da superluta voltaram à ativa depois de um bom tempo longe das competições. Na madrugada do último sábado, 26 de março, Gordon Ryan não tomou conhecimento de Jabob Couch e encaixou um armlock no começo do combate para triunfar no evento principal do WNO (ou Who´s Number One), realizado em Dallas, nos Estados Unidos.

O atual ouro duplo do ADCC foi dominante do começo ao fim e derrotou Couch com autoridade. O desempenho relembrou as grandes atuações que o consagraram nos últimos anos. Ryan imprimiu um ritmo avassalador no início e o adversário sucumbiu à pressão do fenômeno formado por John Danaher. A finalização veio após Gordon passar a guarda e montar.

Na entrevista após o combate, Gordon não desperdiçou a oportunidade de alfinetar o arquirrival brasileiro. O americano deixou um bilhete na mesa do comentarista do evento que continha a mensagem a seguir: “Eu sei que você está assistindo, André. Nem se preocupe em sair do asilo.”

No mesmo dia, André Galvão estreou no One Championship, num dos cards mais comentados da história da organização. Sediado em Singapura, o “One Championship: X” promoveu combates de MMA, grappling e kickboxing.

No duelo de luta agarrada, o lendário multicampeão de Jiu-Jitsu empatou com o holandês Reinier de Ridder, invicto e atual campeão de MMA da organização. Apesar de ter dominado a luta, Galvão não conseguiu a finalização ao longo dos 12 minutos, e como a pontuação não estava prevista no regulamento, o empate foi decretado.

Este foi o primeiro combate do brasileiro desde a superluta do ADCC 2019, quando venceu Felipe “Preguiça” Pena por pontos de uma queda. Aos 39 anos, André enfrentou o grande astro do One, que por sinal é nove anos mais jovem, e foi bem superior. O líder da Atos conseguiu uma queda, buscou finalizações e deslanchou nos minutos finais. No entanto, faltou forçar a desistência do oponente para coroar o bom desempenho.

E aí, caro leitor! Quem vai levar a melhor na superluta do ADCC 2022, em setembro?

Confira Galvão x De Ridder:

Ler matéria completa Read more

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.