O adeus ao faixa-vermelha Julio Secco

Share it

A comunidade do Jiu-Jitsu despediu-se nesse dia 15 de janeiro do faixa-vermelha Julio Secco, que faleceu em sua casa, na cidade de Rio Grande, aos 81 anos.

Grande mestre Secco nascera em Belém do Pará, treinou com Helio Gracie no Rio e se tornou instrutor na mítica escola Gracie na avenida Rio Branco, nos anos 1960. Já nos anos 1990, o mestre voltou a migrar pelo interior do Brasil, dessa vez para o sul, onde ajudou a semear a arte em cidades gaúchas como Pelotas, Bagé, Jaguarão.

Pelo Jiu-Jitsu, mestre chegou a encarar pedreiras, como o brabo Pé de Pato: “Certa vez o Pé de Pato chegou à academia da Av. Rio Branco, 151 no 17º andar, me insultando por causa de uma menina”, lembrava o mestrão. “Chamei-o para resolver a rixa no tatame, trancamos a porta e eu lhe dei uma surra bem dada, ele ficou caído”, contou em entrevista ao portal BJJ Fórum.

Em novembro de 2021, quando as pernas já não exibiam a força de outrora, mestre Julio fez questão de graduar seus alunos no Rio Grande do Sul, sentado em sua famosa poltrona. Ficam os ensinamentos, detalhes técnicos e a garra, incutidos em centenas e centenas de alunos da linhagem Secco. Obrigado, mestrão!

Ler matéria completa Read more

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.