Jean Feijó e a importância de expressão corporal no Jiu-Jitsu

Share it

Que mensagem você passa ao seu adversário enquanto está lutando?

Texto: Jean Feijó

* Artigo publicado originalmente nas páginas da GRACIEMAG #239. Para mais conteúdos exclusivos com o melhor do Jiu-Jitsu mundial, assine a revista mais tradicional do esporte em formato digital *

Você já ouviu a frase “seu corpo fala mais que as palavras”? Ao longo da nossa caminhada no Jiu-Jitsu, aprendemos muitas técnicas e golpes, mas alguns detalhes passam despercebidos e podem fazer grande diferença, como nossa expressão corporal.

Desde a hora de entrar na luta até o fim do combate, nosso corpo transmite diversas informações ao oponente: confiança, força, segurança, controle, cansaço, equilíbrio, vontade… Tudo isso é comunicado através de nossa postura, nossas pegadas, expressão facial, respiração, olhar e muito mais.

No começo da luta, a primeira pegada e a postura já passam a informação se você confia na sua base em pé ou não. Quando está sendo finalizado, uma expressão de dor passa ao adversário que a posição está bem encaixada ou prestes a finalizar, assim como uma expressão tranquila pode levar o adversário a desistir da posição por achar que não está bem encaixada.

Ao mesmo tempo em que uma expressão de força extrema vinda de quem está aplicando a posição demonstra que já foi empregue a força máxima.

No decorrer da luta a respiração ofegante passa a mensagem de cansaço o que pode fazer seu adversário crescer no combate, enquanto que sua respiração tranquila pode levar o rendimento dele a cair por achar que está mais cansado que você.

É comum em competição observarmos até gestos de desaprovação do próprio atleta quando cai em uma posição desfavorável ou erra um movimento.

Essas mensagens não se restringem apenas ao atleta, as expressões tanto verbais quanto corporais do técnico também influenciam muito na luta, podendo passar tranquilidade ou nervosismo, confiança ou insegurança, energia positiva ou cobrança excessiva, direcionamento claro ou confuso, e por aí vai.

O Jiu-Jitsu está cada dia mais competitivo e os detalhes cada vez mais vão fazer a diferença, então, quando for à academia treinar, observe que mensagens o seu corpo está passando e quais realmente você deseja passar. Passe a controlar isso e eu garanto que o seu rendimento nos combates vai melhorar sensivelmente. Oss!

graciemag_assine_barra

Ler matéria completa Read more

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *