BJJBet Selection: 1 milhão de votos definem card do GP; confira os nomes

Share it

Mais de um milhão de votos, com pico de 300 votos por segundo, foram computados na segunda fase. Foto: Reprodução

O mundo do Jiu-Jitsu parou nesta semana. Alguns tatames espalhados pelo Brasil se tornaram verdadeiras centrais de voto, campanhas com amigos e familiares foram levadas ao mais alto nível de comprometimento. Tudo isso na disputa de uma vaga no GP Selection, organizado pelo BJJBet, que colocará faixas coloridas frente a frente para disputarem um patrocínio de 2 mil reais por um ano e vaga no card principal do evento.

O processo contou com duas etapas: uma no Instagram e outra no site BJJBet.com. Na rede social, mais de 620 mil comentários foram necessários para definir os 48 atletas que foram para a segunda fase de votação no site. Lá, um número estrondoso de 1.027.337 votos foram computados entre o masculino e feminino, que tiveram disputas pela liderança até o último minuto da votação.

O encerramento e anúncio dos classificados veio por meio de uma live no Instagram, nesta quinta-feira, dia 28, tocada pelos nossos professores GMI Rodrigo Cavaca e Nika Schwinden. Por conta do número massivo de votos e da repercussão dada ao GP, a organização definiu que cada GP, que seria com oito atletas, passou a contar com 12. Agora, serão 24 atletas, entre homens e mulheres, no páreo pelo patrocínio do BJJBet.

“O objetivo do BJJBet é ser a nova era do esporte”, disse William Carmona Maya, um dos sócios do evento, com exclusividade ao GRACIEMAG.com “Quando eu falo ‘nova era’, falo em vários sentidos. Nova era por trazer inovações, por ter sido a primeira organização a fazer um evento com apostas, a ter faixas coloridas num card com faixas-pretas, de fazer no Brasil um mix de lutas sem kimono e com kimono, que antes nunca havia acontecido. E, principalmente, fazer a inclusão social, inclusão de atletas que não são vistos nem lembrados. Inclusão de atletas que não tem condição de sair da sua cidade pra competir. Inclusão de faixas coloridas num mundo profissional como é hoje o mundo da faixa-preta. É isso que precisamos. É nisso que nós acreditamos.”

“Ficamos muito felizes e satisfeitos ao ver, por exemplo, atletas como a Vitória Cabral entre as classificadas. Ela é uma atleta de Belém do Pará que foi a atleta mais votada. Tenho certeza que ela não tem muitas chances de sair da cidade dela, e ela é duríssima, pelo que nós vimos. Imagine a votação da galera da Castro Team, pessoal ficou quatro dias sem dormir, votando sem parar e ela foi a mais votada. Notável a emoção e a satisfação dela. Nós podemos mudar a vida das pessoas, isso para nós da organização é o mais gratificante.”

“Durante essa semana, na votação através do site , nós recebemos inúmeros áudios e vídeos mostrando as equipes paradas nas academias. Várias pessoas ao mesmo tempo votando nos seus celulares, até brincando que não aguentavam mais ver semáforos e montanhas, que é um método de impedir uma votação injusta por robôs, uma forma que o próprio Google criou para barrar esse tipo de ação. Recebemos mensagens de famílias e amigos que estavam sem se falar e se uniram na intenção de eleger seus entes queridos. Todo mundo sabe que os organizadores do BJJBet não vivem ou dependem do Jiu-Jitsu, eles montaram o BJJBet como uma forma de valorização do esporte, como uma forma de incentivar novos atletas e, principalmente, tentar fazer um pouco de diferença no que nós já vemos no mundo de lutas. Então, pra nós, ver situações assim é muito gratificante.”

William completou falando sobre a seleção dos atletas, avaliando os currículos e votos:

“Tudo que aconteceu superou muito as nossas expectativas. Quando criamos esse GP de faixas coloridas não imaginávamos que teria um engajamento tão grande. Nós tivemos 620 mil comentários no Instagram de pessoas falando de atletas que queriam vir. Quando nós colocamos os 24 mais votados ou com bons principais títulos pra votação no site, isso porque houve um aumento de 12 para 24, não esperávamos que iria alcançar a quantidade de cadastros e de votos que nós atingimos. Foram quatro dias de votação e nós atingimos mais de um milhão de votos. Foi uma coisa surreal e sensacional.”

“Optamos em dar espaço exatamente para quem se empenhou e se engajou na votação. Nós temos os números aqui, o IP individual de cada um que votou, quantas vezes cada IP votou, temos vídeos feitos pelas equipes desse pessoal votando, então essas oito pessoas não poderiam ficar de fora, elas tinham que estar dentro do GP e o nosso planejamento inicial era pra oito pessoas. Porém, o que acabou acontecendo é que outros atletas masculinos e femininos, com títulos importantíssimos e duríssimos, acabaram não estando entre os oito mais votados, mas tiveram uma votação expressiva e engajamento grande nas redes sociais. Nós acompanhamos cada um deles nisso. Outro ponto importante são os atletas que tem os principais títulos nas faixas coloridas, não poderíamos deixar eles de fora. Pensando nisso, criamos mais quatro vagas no masculino e no feminino e fizemos essa análise.”

“Entre os 24 que estavam no site, oito entraram por serem os mais votados e os outros quatro pegamos os que possuíam os principais títulos e engajamento nas redes sociais. Alguns atletas com títulos importantíssimos ficaram de fora porque não tiveram um grande engajamento ou uma grande votação. Isso também é uma forma de nós mostrarmos, não só pra eles mas para os faixas-pretas, que hoje em dia não basta ser campeão mundial ou possuir vários títulos. Você precisa ter um engajamento nas redes sociais, engajamento entre os fãs e com o evento. Você tem que vender, tem que produzir, não só dentro do tatame. Hoje em dia, infelizmente ou felizmente, o mundo evoluiu de uma forma que isso também é necessário.”

Vale lembrar que os quatro melhores na votação ficarão de baia no GP, que terá a ordem das lutas revelada em breve. Os vencedores do GP masculino e feminino, além do patrocínio do BJJBet, poderão optar por uma parceria com a marca KVRA e garantem vaga para lutar o evento principal contra Mica Galvão (até 99kg masculino) e Duda Tozoni (até 70kg feminino).

Confira a lista de classificados abaixo e não perca o GP Selection, ao vivo e gratuito pelo Youtube do BJJBet, no dia 28 de fevereiro. Oss!

Masculino

Baia:
Léo Ferreira – Alliance
Leonardo C. – Ryan Gracie Team
Gabriel C. – Sixblades
Luciano S. – Gracie Barra

Chave:
Vitor Peres – Gracie Barra
Deyvson – Rilion Gracie
Robson F. – Alliance
Pedro Filho – Zenith
Matheus C. – Brotherhood
Caio BB – Felipe Team
Rui – Dream art
Vinicius L. – KZN

Feminino

Baia:
Vitoria Cabral – Castro Team
Vitoria A. – Double Five
Layza – Equipe SM
Amit Elor – Dream Art

Chave:
Alanna N. – GF Team
Julia Alves – GF Team
Larissa – Dream Art
Maria Luiza – Almeida JJ
Maria Claudia – Infight
Sabrina G. – Checkmat
Thalyta S.L.S. – Vision BJJ
Welma M. – CEI JIU JITSU

Ler matéria completa Read more
There is 1 comment for this article
  1. Pingback: BJJBet Selection: 1 milhão de votos definem card do GP; confira os nomes - MMA Crazies

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *