Matheus Zimmermann e sua mudança de ares para evoluir no Jiu-Jitsu como professor e empresário

Share it

Matheus Zimmermann após aula particular nas areias de Floripa. Foto: Arquivo pessoal

Nosso faixa-preta GMI Matheus Zimmermann, representante da Top Brother na região sul do país, deu uma chacoalhada na sua vida profissional e pessoal após durante a pandemia. Com o período de portões fechados na Top Brother Sul, em Pelotas, e após ele e sua esposa terem sidos acometidos pelo Covid-19, Matheus e família decidiram mudar de ares, partindo com tudo para Floripa.

Os treinos nas praias paradisíacas de Santa Catarina, os novos alunos e oportunidades de crescimento deram um fôlego a mais para o professor, que segue forte também nos seus canais digitais, com posições de Jiu-Jitsu gratuitas em seu website, o www.zjiujitsu.com.

E é claro, como todo bom professor de Jiu-Jitsu, Zimmermann tirou boas lições de toda a revolução recente da sua vida, e ele divide suas experiências conosco nas linhas abaixo. Confira!

* Entre para o time GMI! *

GRACIEMAG: Você mudou de casa, saindo de Pelotas rumo à Floripa. Qual foi a motivação da mudança?

MATHEUS ZIMMERMANN: Comecei a dar aulas em Pelotas em 2007 e confesso que na época nem imaginei que a equipe cresceria tanto. No final do ano passado, consegui construir a academia dos meus sonhos mas infelizmente com toda essa situação da pandemia não pude usufruir por muito tempo. No mês de março precisei parar as atividades até que tudo voltasse a normalidade e para piorar minha situação, em agosto acabei pegando Covid-19 junto com minha esposa. O meu quadro foi tranquilo dentro do possível, porém o dela se agravou bastante e até precisou ser internada. Quando ela se recuperou, resolvemos vir para Florianópolis em busca de qualidade de vida e crescimento, pois Pelotas infelizmente não me proporcionava mais.

Quais as principais mudanças da nova casa? 

Toda estrutura que montei em Pelotas segue funcionando sob comando de alguns alunos que formei, mas a expectativa está aqui em Floripa. Começar um trabalho novo sempre gera aquela ansiedade porém já tenho alguns alunos que também estão morando aqui, o que facilita esse recomeço. Dentro da minha escola sempre prezo por ter um ambiente familiar com respeito, amizade e disciplina, e é claro, toda a qualidade técnica da equipe Top Brother.

Qual a expectativa de crescimento e melhorias nessa mudança de ares?

O que vejo por aqui é que as pessoas gostam de praticar esportes e isso me motiva mais ainda. Acredito que em breve estaremos voltando a normalidade e poderemos retomar as atividades para formar um grande time por aqui.

Qual a lição que um experiente professor como você tira de tamanha mudança e que possa passar pro nosso leitor?

As vezes algumas mudanças são necessárias, mesmo que sejam difíceis. Nunca pensei que iria sair de Pelotas e deixar alguns alunos que começaram a treinar comigo desde o inicio, porém a vida nos da algumas oportunidades e não podemos perder. Assim como é no Jiu-Jitsu, não temos tempo para ficar esperando e quando as oportunidades aparecem devemos dar o bote na hora certa.

graciemag_assine_barra

Ler matéria completa Read more

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *