Os 3 pilares da passagem de guarda no Jiu-Jitsu

Share it

Victor Honório após a vitória contra Nicholas Meregali. Foto: IBJJF/FocadosNoTatame

“O segredo para você se tornar um bom passador de guarda pode ser decifrado quando estudamos três conceitos básicos do Jiu-Jitsu”, ensinou o craque Victor Honório em papo com GRACIEMAG. “O primeiro desses conceitos tem a ver com a técnica de ‘matar o quadril’ do guardeiro. Pergunte ao seu professor ou a um graduado na sua academia: ‘Mestre, estou matando o quadril do guardeiro aqui? Como você faria?’ Isso pode ser o pulo-do-gato para seus treinamentos.”

Formado pela GFTeam, hoje ensinando em Doha, no Catar, o campeão de 26 anos continua sua explanação: “Outro desses três conceitos básicos é ter boas pegadas. Você precisa ter o controle da luta, e isso começa com as pegadas. Se você não anular as pegadas do oponente, deixando que ele controle as ações, você será raspado. Ao estourar as pegadas dos guardeiros, você começa a se firmar como um passador implacável”.

“O último conceito básico”, diz Honório, “é usar o peso de forma correta. Um lutador peso pesadíssimo, como é meu caso, precisa saber usar o que tem de bom – e saber pesar é uma arte essencial para cansar gradualmente os rivais enquanto você se poupa”.

Claro, não basta apenas conhecer os conceitos na teoria. Honório alerta para a necessidade de praticar à exaustão: “Treine, treine e treine, até que sua movimentação de passador já esteja no automático. Eu, hoje em dia, já passo no instinto, nem penso se pode dar errado. É natural. Essa confiança é um ingrediente fundamental para lutar bem por cima.”

Essas e muitas outras dicas para aperfeiçoar o seu Jiu-Jitsu estão espalhadas pelas páginas da GRACIEMAG em versão digital. Assine já!

graciemag_assine_barra

Ler matéria completa Read more

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *