“Tenha orgulho de sua faixa-branca”, ensina o professor Ricardo Evangelista

Share it

Ricardo Evangelista em foto de Vitor Freitas

Ricardo Evangelista (Academia Renzo Gracie Lake Houston) ensina o segredo para aproveitar a jornada na faixa-branca sem ter medo do sufoco. Confira nas linhas abaixo e acelere a sua evolução no Jiu-Jitsu!

1. Paciência e foco. A disciplina trará resultados consistente, de longo prazo. Só é preciso manter a paciência e traçar metas de curto prazo, realistas, até você poder atingir metas maiores.

2. Seja antifrágil! Procure se colocar sempre em “crise”, isto é, em situações ruins e que você não domina. Saia da sua zona de conforto mais vezes. Isso é o que vai trabalhar a sua mente. O lema precisa ser sempre: “Tempo ruim o tempo todo”.

3. Humildade sempre. Deixe seu ego fora da academia. Tenha orgulho de usar sua faixa-branca, assim como serão motivo de orgulho todas as próximas. Nunca menospreze o seu oponente nem seu amigo de treino, afinal o aprendizado é eterno.

4. Curta a jornada. O grande segredo de chegar a faixa-preta de Jiu-Jitsu é curtir o processo tanto como os resultados. O processo é lento? Sim, mas desistir não vai acelerar nada, pelo contrário.

5. Judô é importante? Sim, eu sempre gostei de reservar pelo menos um dia da semana para treinar as quedas. Se você evoluir sem se sentir confortável lutando em pé, seus adversários um dia hão de tirar proveito disto!

6. Estude! Aproveite ao máximo sua empolgação inicial e estude sobre o Jiu-Jitsu, suas histórias e suas técnicas. No início tudo é mais fácil de absorver, e uma visão geral vai abrir muito a sua mente. Aproveite para conhecer a defesa pessoal e o Jiu-Jitsu em situações reais.

7. Tenha bons hábitos. O seu corpo é o templo do seu espírito, por isso deve ser bem cuidado também para que possamos treinar direito. Portanto, durma bem e se alimente bem, pois nós somos o que nós comemos, bebemos e, por incrível que possa parecer, o quanto dormimos.

8. Treine, treine, treine. O segredo para executar uma posição com perfeição é a repetição. Então TREINE sempre mais um pouco, até ficar no automático.

9. Domine o seu medo. O temor em excesso pode deixar qualquer praticante ansioso, ou mesmo travado. Descubra como controlar o medo, você deve aprender a conviver com ele e descobrir, pouco a pouco, uma forma de utilizá-lo ao seu favor.

10. Não desista! O sucesso a médio e longo prazo é recompensador, mas vida de atleta não é fácil. Vão existir dias em que nada dá certo, dias em que você se sente sem energia e desmotivado. E isso é normal, não quer dizer que você não é competente ou que o treino não foi bom. Ser um atleta é um misto de boas ideias, experiência, hora certa, estratégias corretas, dedicação e acima de tudo, ser resiliente. Vença sua cabeça diariamente, e bons treinos!

Ler matéria completa Read more

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *