“O professor completo”, segundo Antônio Cicconi

Share it

Árbitro e competidor são apenas algumas das atuações de Cicconi no Jiu-Jitsu. Foto: Reprodução

Todo aluno de Jiu-Jitsu busca para chamar de sua uma escola completa. Além de instalações confortáveis e um bom espírito de camaradagem entre os colegas de classe, um professor gabaritado pode ser a diferença entre captar ou perder um aluno.

Para o nosso professor GMI Antonio Cicconi, da Gracie One, em Dallas, Texas, adquirir conhecimento de causa é essencial para levar todo potencial da arte suave para seu alunos. Não é por acaso, o faixa-preta passou por todas as esferas possíveis para levar sua experiência como profissional para seus pupilos.

Além de ser faixa-preta formado pelo conhecido Jorge Patino Macaco, veterano competidor e líder de equipe, Cicconi tem outros conhecimentos na bagagem. Como competidor no Jiu-Jitsu, Cicconi aprendeu o valor dos treinos duros e das técnicas aplicadas sem espaço para erros, que podem acarretar numa derrota prematura em alto nível. Como professor de Jiu-Jitsu, passou a entender que os detalhes da posição são o ouro a ser passado adiante, fazendo seus alunos refletirem sobre cada posição e ajustarem ao seu jogo. Além do Jiu-Jitsu, Cicconi adquiriu experiência também no MMA, fator importante para passar aos seus alunos a importância de saber as técnicas e aplicá-las em situação real de combate, no qual o Jiu-Jitsu bem ajustado se torna ainda mais necessário.

Juntamente da bagagem competitiva, o faixa-preta trouxe para seu currículo experiências fora de disputa que servem para enriquecer o ensino, como atuar nos torneios como árbitro, mostrando conhecimento pleno das regras e aplicando-as em tempo real, o que facilita na hora de ensinar na sua academia, visando sempre as minúcias da cartilha da IBJJF nos campeonatos. Isso tudo atrelado ao lado empresário, administrando as filiais da ACJJ no Brasil e outras partes do mundo, que aprimora o ritmo organizado que todo bom empreendedor deve ter, e isso acaba refletindo nas aulas como forma de ensino.

Com 25 anos de Jiu-Jitsu, Ciccone revela as três principais virtudes de um professor completo. Confira:

– Ser humilde. É preciso ter a humildade de saber aprender com os alunos. No JJ o aprendizado se dá em mão dupla. O professor que não sabe aprender com a classe é um professor muito limitado, dono de uma rigidez que empaca a transmissão do conhecimento.

– Ser estudioso, mente aberta.

– Dar o exemplo, não basta cobrar do aluno e ficar sentado na cadeira. Tem que ir para o front de batalha junto com o time.

Portanto fica a dica para você, que pretende seguir a carreira de professor e líder de equipe. Não se limite ao ensino do Jiu-Jitsu. Abra sua mente, busque mais desafios e se torne um professor completo e de sucesso, como nosso GMI Antonio Cicconi. Oss!

* Entre para o time GMI! *

Ler matéria completa Read more
There are 2 comments for this article
  1. Pingback: “O professor completo”, segundo Antônio Cicconi - MMA Crazies
  2. Gustavo at 6:05 pm

    Grande Tó! Uma das pessoas mais carismáticas que já conheci. Merece todo o sucesso do mundo. Grande abraço e saudades

Deixe uma resposta para Gustavo Cancel comment reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *