O que fazer para amenizar a saudade do Jiu-Jitsu? Roger dá dica

Share it
Roger Gracie seminar at Gracie Barra Fullerton

Roger Gracie em foto de Ivan Trindade para GRACIEMAG

Certa vez, durante uma entrevista a GRACIEMAG, o monstro sagrado Roger Gracie nos ensinou:

“O Jiu-Jitsu é uma arte que acalma. Eu acho que medito enquanto estou lutando”, disse a fera.

Ao recordar essa frase, nossos repórteres foram atrás de Roger, por telefone, para saber como o professor, tricampeão mundial absoluto da modalidade, tem compensado a falta de um confere com os amigos, já que as academias em Londres estão como as brasileiras, fechadas desde março por conta da pandemia de Covid-19.

O Gracie deu então sua dica:

“De fato os benefícios mentais do Jiu-Jitsu são essenciais para nossa saúde. Nestes meses todos eu de fato ainda não consegui encontrar um substituto à altura para o Jiu-Jitsu”, comenta Roger, de 38 anos, que venceu luta dura contra o coronavírus há um tempo. “O que tenho procurado fazer é voltar a adotar a meditação propriamente dita. Era uma atividade que eu não fazia há anos, mas voltei agora.”

O que tem encantado mais o campeão, no entanto, é o seu mais novo esporte.

“O que consegui para substituir de alguma forma os treininhos foi um novo jogo, que eu nunca tinha praticado, e estou adorando: o tênis!”, diz o ex-lutador do UFC, que pelo visto voltou a soltar raquetadas.

Te cuida, Federer. O nosso Roger vem aí!

E você, fiel leitor de GRACIEMAG? Já arrumou um hobby ou atividade esportiva, física e mental, para os tempos de quarentena? Comente conosco.

Ler matéria completa Read more
There is 1 comment for this article
  1. Pingback: O que fazer para amenizar falta do Jiu-Jitsu? Roger Gracie dá dica - MMA Crazies

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *