Dicas para você cuidar da imunidade em tempos de pandemia, por Dr. Gunter Sgarboza

Share it

“Alimentação saudável fortalece a imunidade do organismo”, diz Dr. Gunter. Foto: Gustavo Aragão. 

“Imunidade forte é uma das principais armas contra o coronavírus”, diz o Dr. Gunter Sgarboza, faixa-preta e médico ortopedista de diversos craques do Jiu-Jitsu. “Claro, ficar em casa, lavar as mãos, evitar contato com outras pessoas… Tudo isso é muito importante para a prevenção ao contágio. Porém, um grande trunfo neste momento de pandemia está na sua capacidade de manter a imunidade blindada. A seguir apresento algumas dicas”.  

1. Exercite-se

A atividade física inegavelmente revigora as defesas do organismo. Mas, tome cuidado, não faça além da conta. Exercícios extenuantes vão ter o efeito oposto, reduzindo o potencial da imunidade do seu organismo. 

2. Sol e ar livre

Mantenha-se informado sobre as normas impostas pelas autoridades em relação ao confinamento. Respeite as regras. No entanto, se houver a possibilidade de sair de forma responsável e dentro da lei, a sua saúde agradece. Por exemplo: tem quintal na sua casa? Ótimo, use o espaço externo para fazer exercícios. Você mora em condomínio fechado de apartamentos ou casas? Avalie a possibilidade de sair para correr, desde que, claro, exista espaço suficiente para você evitar aglomerações. Acorde cedo, corra quando a maioria das pessoas ainda está dormindo. Lembre-se novamente: não se exponha ao sol em demasia, tampouco exagere nos exercícios. 

3. Alimente-se bem

Dê preferência a alimentos saudáveis, frutas, legumes e verduras. Não se esqueça dos alimentos que contém vitamina C. Se for necessário, existem comprimidos que podem suprir a vitamina C neste período de quarentena. Evite álcool e se mantenha hidratado.

Dr. Gunter: “Evite ficar o tempo inteiro absorvendo notícias ruins”. 

4. Durma bem 

Vários estudos demonstram que quem dorme bem fortalece a imunidade. Crie o ambiente adequado para o sono. 

5. Cuidado com a depressão e a ansiedade 

Estudos também demonstram que pessoas ansiosas e depressivas apresentam baixa imunidade. Portanto, mantenha-se otimista em relação ao futuro. Entre em contato com outras pessoas por videoconferência. Evite ficar o tempo inteiro absorvendo notícias ruins, principalmente de fontes não seguras, pois existem muitas notícias falsas e exageradas que levarão você a uma ansiedade desnecessária. 

6. Mantenha-se motivado

Procure desenvolver pensamentos otimistas. Tenha sempre em mente (pode até escrever em um papel e pregar na parede): “Eu não estou sozinho neste momento desafiador”. “Esta situação difícil em breve acabará”. 

7. Crie metas a cumprir após a quarentena

Pessoas que têm metas a cumprir transpõem dificuldades de forma mais consistente. Imagine você daqui a alguns dias treinando ou conquistando um campeonato. Essa, por exemplo, vai ser a minha meta e pode ser a sua também. Que tal?

 

 

 

Ler matéria completa Read more

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *