Rafael Ribeiro explica as diferenças do treino em quarentena no Jiu-Jitsu

Share it

Rafa Ribeiro ao centro, com Michael Langhi, Isaque Bahiense e Renato Cardoso. Foto: Reprodução

Colunista de alto desempenho da GRACIEMAG, Rafa Riberio ligou seu alerta para os atletas e competidores do JIu-JItsu nesta época de pandemia do coronavírus (Covid-19). Seguindo as orientações gerais para evitar o contágio, as recomendações de ficar em casa e treinar de forma adaptada podem trazer outras diferenças no resultado final para o atleta.

Além da comum ausência de parceiros para treinar, a falta de equipamentos adequados e da rotina de acompanhamento dos professores, outro fator nesta equação é a quarentena e a forma como você passa o restante do dia, com menos agitação e movimentação, e isto pode acarretar em resultados inesperados.

“Diante da situação e visando evitar o contágio e o alastramento da situação”, disse Rafael. “A recomendação agora é para todos ficarem em
casa e seguirem treinando, lembrando que a probabilidade de vocês ficarem doloridos do treino é maior.”

Confira abaixo alguns pontos detalhados pelo treinador:

1. Vocês vão passar mais tempo deitados e ou sentados. O corpo de vocês está acostumado com outra rotina e portanto vocês se sentiram talvez mais cansados que o normal.

2. Vão sentir mais dores musculares por conta dos treinos. A circulação do sangue remove os metabolitos gerados pelo treino. Quando ficamos mais parados, esses metabolitos se acumulam no corpo e isso é um dos motivos que causam as dores musculares. Sermos ou estarmos mais ativos, promove uma recuperação mais efetiva e diminui essas dores.

3. Existe um stress coletivo que gera uma preocupação individual com a situação em diferentes esferas: desde o risco do contágio até a saúde financeira. Então procurem entender isso para minimizar e controlar os efeitos deletérios desse stress silencioso.

4. Dores de cabeça. O tempo de uso do celular ou vendo TV/filmes irá aumentar em cada um. Em decorrência disso vira também uma possível dor de cabeça na região frontal da Cabeça. Vocês podem deixar a luz do celular em tons de marrom para o dia todo.

5. Manutenção da rotina de treinos. Continuar treinando é de extrema importância. Porém é necessário que seja feito na medida certa e sem exaustão. Além de evitar ou diminuir os 4 primeiros itens, vocês terão o benefício do fortalecimento do sistema imunológico. Afinal esse sistema depende da quantidade de músculo que temos no corpo. E se pararmos, vamos perder parte dessa massa muscular e comprometer o funcionamento do nosso mecanismo de defesa contra possíveis bactérias
ou vírus.

Ler matéria completa Read more

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *