Jones Jones vence luta apertada e defende cinturão no UFC 247

Share it

Jon Jones com o cinturão meio-pesado do UFC. Foto: Reprodução/Instagram

Com 14 lutas de título vitoriosas, Jon Jones acumulou neste sábado, dia 8 de fevereiro, mais um recorde para o currículo. Jones venceu a luta principal do UFC 247, superando Dominick Reyes na decisão unânime, defendeu o seu título e disparou como atleta de maior sucesso em disputas de cinturão.

O duelo, porém, não foi nada fácil. Reyes estava determinado a roubar a cinta de Jones, com socos precisos e muitos golpes perigosos para cima do campeão. Jones, para desequilibrar na contagem dos pontos, apostou nas quedas e na experiência no cage, andando para frente, dominando o centro do cage e convencendo todos os jurados.

Na luta coprincipal, também valendo cinturão, Valentina Shevchenko confirmou seu favoritismo e bateu Katlyn Chookagian no terceiro assalto, após quedar, dominar no solo no crucifixo e golpeando até a interrupção do árbitro.

Único brasileiro escalado para o card, Antonio Arroyo bateu o peso para sua luta mas se sentiu mal, sendo retirado do card e dando lugar a James Kraus, que foi superado por Trevis Giles na decisão dividida.

Confira abaixo os resultados completos!

UFC 247
Houston, Texas
8 de fevereiro de 2020

Jon Jones venceu Dominick Reyes na decisão unânime dos jurados
Valentina Shevchenko venceu Katlyn Chookagian por nocaute técnico a 1min03s do R3
Justin Tafa nocauteou Juan Adams a 1min59s do R1
Dan Ige venceu Mirsad Bektic na decisão dividida dos jurados
Derrick Lewis venceu Ilir Latifi na decisão unânime dos jurados

Card preliminar

Trevin Giles venceu James Krause na decisão dividida dos jurados
Lauren Murphy venceu Andrea Lee na decisão dividida dos jurados
Khaos Williams nocauteou Alex Morono aos 27s do R1
Mario Bautista venceu Miles Johns por nocaute técnico a 1min01s do R2
Journey Newson venceu Domingo Pilarte por nocaute técnico aos 38s do R1
Andre Ewell venceu Jonathan Martinez na decisão dividida dos jurados
Youssef Zalal venceu Austin Lingo na decisão unânime dos jurados

Ler matéria completa Read more

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *