Três títulos em jogo hoje no UFC 245, ao vivo no Combate

Share it

Banner do UFC 245.

Três lutas, três cinturões em jogo. O UFC 245, que acontece neste sábado, dia 14 de dezembro, em Las Vegas, com transmissão ao vivo do Combate a partir das 20h15, reúne alguns dos principais nomes da organização na atualidade. Na luta principal da noite, o campeão meio-médio Kamaru Usman (15-1-0) enfrenta o ex-dono do título interino da divisão Colby Covington (15-1-0). No evento co-principal, o rei dos penas Max Holloway (21-4-0) defende seu cinturão pela quarta vez, dessa vez contra o australiano Alexander Volkanovski (20-1-0), que vem de vitória sobre José Aldo, em maio.

Completando a trinca de campeões, a maior lutadora de todos os tempos Amanda Nunes (18-4-0) volta ao octógono contra a holandesa e ex-campeã peso-pena Germaine De Randamie (9-3-0). Dona dos cinturões peso-galo e peso-pena do UFC, a brasileira luta em sua categoria de origem, a até 61kg, neste sábado. A adversária é uma velha conhecida. Amanda e De Randamie se enfrentaram em novembro de 2013, naquela que foi apenas a segunda luta da brasileira na organização. Apesar disso, o resultado foi com a cara da Leoa de hoje: um nocaute no primeiro round. Invicta há nove lutas, Amanda espera somar mais uma nessa lista, manter seu cinturão peso-galo e solidificar ainda mais o seu posto de maior atleta da história do evento.

Um novo Aldo

O UFC 245 marca também a estreia do ex-campeão peso-pena José Aldo (28-5-0) na categoria dos galos. Depois de uma carreira consagrada na divisão até 66kg, o brasileiro resolveu ir atrás de novos estímulos, desafiando, inclusive, o atual campeão peso-galo Henry Cejudo. Mas para chegar até ele, Aldo vai precisar primeiro passar pelo compatriota e líder do ranking Marlon Moraes (22-6-1). Ex-desafiante ao cinturão até 61kg, o natural de Nova Friburgo já declarou se sentir honrado em poder dividir o octógono com um ídolo. Uma vitória sobre um nome como o de Aldo pode garantir a Marlon uma nova chance contra Cejudo.

Mulheres na luta

Duas atletas completam a porção brasileira do card do UFC 245. Depois de 21 meses parada por conta de uma cirurgia no joelho, a amazonense Ketlen Vieira (10-0-0) está de volta. Invicta e vice-líder do ranking peso-galo do UFC, Ketlen enfrenta a mexicana Irene Aldana (11-5-0), décima da divisão. Uma vitória neste sábado pode colocar a brasileira na rota da vencedora da luta entre Amanda Nunes e Germaine De Randamie, que acontece um pouco mais tarde.

Já a brasiliense Viviane Araújo (8-1-0) faz a sua terceira luta no ano. A peso-mosca estreou em maio, quando aceitou a luta contra Talita Bernardo na semana do evento. Venceu por nocaute e dois meses depois voltou para enfrentar Alexis Davis, vencendo por decisão. Sua adversária em Las Vegas será Jessica Eye (14-7-1), número 2 do ranking, que vem de derrota para a campeã Valentina Shevchenko, em junho.

Confira abaixo algumas declarações pré-luta dos craques do card:

Amanda Nunes

Sobre Germaine De Randamie: “Ela evoluiu bastante desde a nossa primeira luta, principalmente a defesa de quedas. Acho que o confronto deste sábado pode tomar rumos diferentes. Pode ser que eu use meu wrestling e meu jiu-jitsu ou pode ser que eu aproveite mais o meu jogo em pé. Meu objetivo é manter a tranquilidade e esperar o momento certo para definir.”

Próximos passos: “O meu foco é a Germaine, depois podemos falar do futuro. A vida do lutador nunca para. Você conquista um cinturão e precisa defendê-lo, defender o seu trabalho. Eu não sei do futuro, mas sei que estou em um caminho muito importante e muito gratificante. Quero defender meus dois títulos. Sobre um terceiro, vamos ver o que a vida vai oferecer para a gente.”

Legado: “Eu quero continuar defendendo meus títulos. Já venci os maiores nomes do MMA feminino e quero continuar fazendo meu trabalho. Essa é a meta de todo atleta: ser o melhor no que faz. Quando eu digo que sou a melhor, não é arrogância. É porque trabalhei muito ao lado da minha equipe para conquistar tudo o que conquistei. E merecemos sermos considerados os melhores.”

Marlon Moraes

José Aldo: “É um prazer lutar com uma lenda, mas não posso ficar olhando para ele. Quero entrar e fazer a melhor luta que já fiz na vida. Ele é um atleta completo, que tem todas as armas, não pretendo subestimá-lo em momento algum. Mas estou preparado para fazer meu trabalho e vencer a luta.”

Derrota para Cejudo: “Me fez abrir o olho, colocar os pés no chão, olhar para trás, fazer coisas diferentes, corrigir os erros e investir nos acertos. Pretendo fazer refletir neste sábado tudo o que aprendi com as minhas derrotas.”

Futuro: “Eu quero vencer a luta, não estou pensando no que isso trará para mim. Meu principal objetivo é lutar com os melhores, mostrar minha história e quem sabe me tornar o campeão. O sonho não morreu e espero logo ter a oportunidade de fazer tudo diferente.”

José Aldo

Estreia no peso-galo: “Eu me sinto tão bem fisicamente e tecnicamente que só quero que a luta chegue logo. Acho que esse é o meu peso ideal. Estou treinando bem, me vendo um menino de novo, mas cheio de experiência. Quero ver como vai ser esse novo começo.”

Marlon Moraes: “O Marlon tem um bom kickboxing e uma boa explosão. Ele pediu por essa luta e eu aceitei. Vou manter a seriedade para chegar lá e vencer.”

Um novo cinturão: “Eu chego sempre com os pés no chão, mas é fato que qualquer ex-campeão quando desce para outra categoria, chega como favorito para isso. A história que eu escrevi dentro do UFC me abre portas em outras divisões. Mas meu foco agora é o Marlon, não vou dar um passo maior do que a perna. Depois a gente pensa no Henry Cejudo ou em quem quer que seja.”

UFC 245
Las Vegas, Nevada
14 de dezembro de 2019

Kamaru Usman x Colby Covington
Max Holloway x Alexander Volkanovski
Amanda Nunes x Germaine De Randamie
Marlon Moraes x José Aldo
Petr Yan x Urijah Faber

Card preliminar

Geoff Neal x Mike Perry
Ketlen Vieira x Irene Aldana
Ian Heinisch x Omari Akhmedov
Matt Brown x Ben Saunders
Chase Hooper x Daniel Teymur
Brandon Moreno x Kai Kara France
Jessica Eye x Viviane Araujo
Punahele Soriano x Oskar Piechota

Ler matéria completa Read more

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *