Jiu-Jitsu e mais artes marciais como disciplinas escolares no RJ

Share it

O Jiu-Jitsu e outros esportes de luta ganham destaque nas escolas. Foto: Flashsport

O que era uma utopia há anos já pode ser comemorado como realidade. As artes marciais fazem parte do universo escolar no município do Rio de Janeiro.

A exemplo do que foi estabelecido nos Emirados Árabes, exatamente uma década atrás quando o Sheik Mohamed Bin Zayed Al Nahyan implementou o Jiu-Jitsu como disciplina obrigatória nas escolas de Abu Dhabi, agora as lutas vão ser integradas ao programa de educação no Rio de Janeiro todos os sábados.

O edificante projeto não veio da realeza e não é um investimento feito em petrodólares. É uma idealização do vereador Marcelo Arar, velho conhecido da comunidade do Jiu-Jitsu. Faixa-preta da academia Alliance, Arar também foi um dos responsáveis pela recente construção da estátua em homenagem a Carlson Gracie, em Copacabana.

“Entendemos que as artes marciais e o estudo não são excludentes. Muito pelo contrário, se complementam. Os ensinamentos preconizados no tatame, como respeito ao próximo e à hierarquia, determinação, resistência fora da zona de conforto e a busca pelo perfeccionismo na execução da técnica são atributos que podem e devem ser transportados para todas as áreas da vida, incluindo aí a própria carreira escolar”, esclarece Marcelo Arar.

O Projeto Escola de Lutas, em princípio, vai contemplar o Jiu-Jitsu, a capoeira, o taekwondo e o judô nas escolas municipais. Os jovens estudantes ganham gratuitamente uma ocupação a mais aos sábados, mantendo-se assim afastados da ociosidade e praticando atividades nos esportes de combate.

Carlão Barreto, professor de Jiu-Jitsu, comentarista do canal Combate e diretor técnico da FJJD-Rio, confirmou presença na cerimônia oficial de lançamento do Projeto Escola de Lutas e ressaltou o impacto positivo que a iniciativa pode causar.

“Esse projeto é de grande relevância”, destacou Carlão. “Um passo importante para que os benefícios das artes marciais sejam usados como ferramenta educacional. Apoio o ensino das artes marciais nas escolas desde que as diretrizes da Secretaria de Educação sejam a base para formação dessa metodologia de ensino.”

A solenidade de oficialização das artes marciais como parte integrante (ainda opcional) do ensino nas escolas municipais do Rio de Janeiro vai ser nesta segunda-feira, às 10h30 da manhã, no Palácio da Cidade, na rua São Clemente, 360 em Botafogo. A comunidade ligada ao mundo da luta está toda convidada para celebrar esta vitória.

.

(Fonte: Assessoria de imprensa)

Ler matéria completa Read more

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *