Lucas Pinheiro vibra com ouro duplo no SJJIF World Jiu-Jitsu Championship 2018

Share it

Lucas em ação no SJJIF World Jiu-Jitsu Championship 2018. Foto: SJJIF

O final de semana foi dourado para Lucas Pinheiro. O faixa-preta da Atos brilhou no SJJIF World Jiu-Jitsu Championship 2018, realizado entre os dias 26 e 28 de outubro em Long Beach, na Califórnia, ao faturar o título na categoria peso-pluma com e sem kimono. Para alcançar o ouro na disputa com kimono, ele fez duas lutas e finalizou os dois oponentes. Já no sem kimono, ele venceu a primeira batalha por 46 a 2 e na final finalizou o japonês Takahito Yoshioka.

“Estou muito feliz. Graças a Deus deu tudo certo no final de semana. Acredito que a conquista foi resultado da minha dedicação nos treinos que tenho feito quando não estou dando aulas. Como não existe uma fórmula certa pra seguir, eu tento diariamente encontrar um equilíbrio entre a melhor forma de fazer meu treino, de me alimentar, e de cuidar da minha saúde física e mental para alcançar meus objetivos na carreira”, declarou Lucas.

O torneio da SJJIF contou com atletas de 72 nacionalidades e o que se viu no pódio, geralmente dominado por brasileiros, foi um grande equilíbrio com americanos e japoneses dividindo as primeiras colocações. Na categoria de Lucas não foi diferente. O manauara foi o único representante do Brasil a subir no pódio tanto nas disputas de kimono quanto na sem kimono.

“Fiquei muito orgulhoso de representar o meu país e, ao mesmo tempo, também fiquei muito feliz de dividir o pódio com americanos e japoneses, porque isso mostra o crescimento do esporte e que o campeonato é realmente de nível mundial. Além disso, essa conquista representou muito pra mim porque tenho mudado muitas coisas no meu treino. Então, esse resultado me mostrou que estou no caminho certo e que tenho feito boas escolhas”, analisou.

Lucas agora faz planos para disputar o Mundial No Gi da IBJJF, que acontece nos dias 15 e 16 de dezembro na Califórnia. “Se a saúde continuar em dia, com certeza lutarei o Mundial No Gi. Ano passado eu lutei pela primeira vez e fiquei com a medalha de prata. Esse ano eu não quero deixar escapar a medalha de ouro”, concluiu.

(Fonte: Assessoria de imprensa)

Ler matéria completa Read more

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *