Vídeo: Rafaela Silva leva ouro a 10s do fim após lance revertido no “var”

Share it

Rafaela Silva em ação no GP de Budapeste. Foto: IJF

Campeã nos Jogos Olímpicos do Rio, em 2016, Rafael Silva voltou a sentir o prazer de conquistar uma medalha de ouro. Se retorno triunfal ao topo do pódio foi no Grand Prix de Judô realizado em Budapeste, na última semana.

Rafaela entrou em ação na categoria até 57kg, no dia 10 de agosto. Depois de avançar na duríssima chave, Rafaela encarou Theresa Stoll, da Alemanha, na finalíssima.

A brasileira começou na frente no placar, com um waza-ari computado após rolar por cima da adversária alemã. Stoll devolveu o waza-ari com a mesma técnica, e já perto do fim aplicou mais um waza-ari, que seria o de sua vitória. Stoll vibrou com o ouro, mas a dúvida sobre a pontuação obrigou o árbitro a solicitar o “VAR” (do inglês Video Assistant Referee) e um árbitro assistente conferiu o replay para revogar o waza-ari.

Com menos de 15s para o fim, Rafael respirou fundo e partiu para a queda de sacrifício, com mais um rolamento e a contagem de sucesso de mais um waza-ari, que declarou ippon e vitória brasileira.

Confira os lances decisivos no vídeo abaixo!

Ler matéria completa Read more

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *