Saiba qual é a hora de iniciar as crianças nos exercícios físicos e no Jiu-Jitsu

Share it

Os pequenos são um show a parte nos torneios de Jiu-Jitsu Foto: IBJJF

Manter-se em movimento é uma das dicas principais de médicos e especialistas em saúde, e a regra se aplica igualmente para adultos e crianças. Contudo, por mais que a escolha de uma modalidade esportiva ou exercícios físico fique a critério do praticante, no caso das crianças há uma preocupação sobre qual esporte é o mais adequado ou qual o momento certo para que a mesma inicie sua estrada. Então, qual seria o momento certo de colocar seu filho para praticar exercícios?

Na visão de médicos pediatras, a criança pode começar a brincar, correr e se movimentar mais intensamente a partir dos 3 anos de idade. Práticas esportivas com mais cobrança, com disputas um contra um, torneios e afins, são mais recomendado para aluninhos com 6 anos ou mais. Para os mais conservadores, a idade de 9 anos se coloca mais recomendada para inscrever os jovens campeões nos campeonatos, pois estes já conseguem ter maturidade para lidar com a emoção das vitórias e frustrações da derrota.

Mas isso tudo se encaixa na visão geral do quesito esportivo. Na visão mais específica, do nosso bom e velho Jiu-Jitsu, a coisa muda um pouco de figura. Conversamos com o mestre Leão Teixeira, nosso GMI da Escola de Jiu-Jitsu Leão Teixeira, que é especialista no assunto. Para o mestre, a idade de 3 anos é ótima para o início no esporte. Tratando-se de uma arte marcial, poderia o Jiu-Jitsu ser perigoso para os pequeninos? Mestre Leão explica que, com a instrução correta, só existem benefícios na prática da arte suave logo cedo.

“Antes dos 3 anos o professor não tem voz de comando”, explica o mestre Leão. “A atenção fica dispersa pela idade. Depois disso, a gente faz aulas específicas para os mais jovens, com técnicas específicas para cada faixa etária. O Jiu-Jitsu é excepcional para os mais jovens, pois não exige força e é uma luta de defesa e contra-ataque, não tem golpes traumáticos e não estimula a violência gratuita. Desta forma a criança cresce com confiança.

Temos um curso específico para lecionar o Jiu-Jitsu para crianças, o que é um diferencial na nossa escola. No caso mais delicado, que é na faixa de 3 a 6 anos, o professor ensina 15 movimentos de defesa pessoal e Jiu-Jitsu, com total atenção em cada aluno, com uma estratégia totalmente diferenciada. Outro detalhe é colocar cada faixa etária em horários diferentes, com técnicas diferentes de ensino e cuidados específicos.

“Ter o esporte bem cedo na vida do aluno auxilia na educação e formação do jovem. No caso do esporte de combate, temos ainda os conceitos de respeito, hierarquia e o equilíbrio emocional. Num treinamento de médio a longo prazo pode trazer uma base muito forte na confiança do indivíduo, e isso pode ser essencial no futuro do mesmo.”

E para você, amigo leitor, qual seria a melhor hora de colocar os pequenos para praticar o Jiu-Jitsu ou outra modalidade esportiva? Comente conosco!

Ler matéria completa Read more

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *