Preguiça, Bia, Igor Silva e outras feras brilham no Abu Dhabi Grand Slam do Rio

Share it

Felipe Preguiça aguentou a pressão de Xande e virou o  jogo para sagrar-se campeão. Foto: Carlos Arthur Jr.

Felipe Preguiça aguentou a pressão de Xande e virou o jogo para sagrar-se campeão. Foto: Carlos Arthur Jr.

A etapa carioca do Abu Dhabi Grand Slam Jiu-Jítsu World Tour, promovida pela Federação Brasileira de Jiu-Jítsu (FBJJ) em parceria com a Federação de Jiu-Jítsu dos Emirados Árabes Unidos (UAEJJF), agitou a Arena Olímpica, na Barra da Tijuca, neste final de semana.

Com mais de 2 mil competidores e com um público de cerca de 10 mil pessoas nos dois dias, o torneio consagrou feras como Felipe Preguiça (GB), Isaque Paiva (Saikoo) e Hiago Gerge (Cícero Costha), nas disputas de kimono; e Igor Silva (UAEJJ), Luan Carvalho (NU), Alexandre Vieira (BTT) e Faisal Al-Kitbe (UAEJJ) sem kimono. Além do alto nível das lutas e da organização, o evento também teve como atração as presenças ilustres de lendas da arte suave como Zé Mario Sperry, Ricardo Arona, Rodrigo Minotauro e Murilo Bustamante, que acompanharam o evento atentamente.

Organizado em dois dias, o torneio teve seu ápice no sábado, com as finais dos faixas-pretas de kimono. As lutas foram transmitidas ao vivo pelo canal Combate e os campeões premiados com dois mil dólares em dinheiro e passagens para Abu Dhabi, onde ocorrerá a próxima etapa do Grand Slam. O principal destaque ficou com o atleta da Gracie Barra Felipe Preguiça, que conseguiu uma virada incrível contra o experiente Xande Ribeiro (Ribeiro JJ) e ficou com o título da categoria até 94kg.

“É incrível poder repetir essa final com o Alexandre Ribeiro e conseguir novamente uma vitória. Como já falei, respeito muito a história dele e tudo o que ele fez pelo esporte, conquistar um ouro contra um adversário como ele no meu país é incrível. Estou muito feliz”, vibrou Preguiça.

Já no domingo, nas disputas sem kimono, os holofotes apontaram para Igor Silva, que no dia anterior havia sido derrotado por André Campos, na final de kimono. Dessa vez, o atleta da Command Group UAEJJ alcançou o lugar mais alto do pódio após superar Ricardo Evangelista (GFTeam) por uma vantagem.

Nas disputas femininas com kimono, Nathiely Jesus brilhou mais uma vez e conquistou o ouro da categoria até 90kg, após finalizar todas as três lutas. Destaques também para as atletas Bia Mesquita e Ana Carolina Vieira, que sagraram-se campeãs das categorias até 62kg e 70kg, respectivamente, e garantiram a ida para Abu Dhabi.

Confira abaixo a relação dos faixas-pretas campeões na categoria adulta.

Masculino/Kimono

62kg – Hiago George
69kg – Isaque Paiva
77kg – Alexandre Cavaliere
85kg – Matheus Souza
94kg – Felipe Preguiça
110kg – Andre Campos

Masculino/Sem Kimono

60kg – José Filho
67kg – Alexandre Vieira
75kg – Luan Carvalho
83kg – Faisal Al-Kitbe
92kg – Gustavo Saraiva
108kg – Igor Silva

Feminino/Kimono

55kg – Thamires Aquino
62kg – Bia Mesquita
70kg – Ana Carolina Vieira
90kg – Nathiely de Jesus

(Fonte: Assessoria de imprensa)

Ler matéria completa Read more
There is 1 comment for this article
  1. Pingback: Veja como Preguiça bateu Xande Ribeiro no Grand Slam do Rio - Academia Arcadas Fintness

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *