Tony Ferguson vence Rafel dos Anjos na luta principal do UFC no México

Share it
Ferguson teve melhores ção em pé, evitou as quedas do brasileiro e levou a melhor no combate. Foto: Jeff Bottari/Zuffa LLC via Getty Images

Ferguson teve melhores ção em pé, evitou as quedas do brasileiro e levou a melhor no combate. Foto: Jeff Bottari/Zuffa LLC via Getty Images

Noite complicada para os brasileiros nesse sábado, dia 5, no UFC realizado na Cidade do México. Dos quatro brasucas escalados para o evento, apenas um conseguiu deixar o octógono com a vitória.

Na luta principal, Tony Ferguson superou o ex-campeão do leves Rafael dos Anjos em decisão unânime dos jurados. Antes, Charles Do Bronx conseguiu larga vantagem sobre Ricardo Lamas no jogo de Jiu-Jitsu, mas acabou surpreendido por uma justa guilhotina que lhe fez dar os três tapinhas, no segundo assalto.

No card preliminar, Felipe Sertanejo e Erik “Goyto” Perez fizeram luta parelha, mas os jurados deixaram a vitória com mexicano na decisão divida. Único brasileiro a vencer no card, Douglas D’Silva voltou de longo período afastados dos cages para vencer Henry Briones por nocaute, após aplicar bela cotovelada seguida de um soco giratório.

Ainda no evento, que fechou o reality show “The Ultimate Fighter Latin America 3”, Martín Bravo venceu Claudio Puelles por nocaute técnico no segundo assalto para garantir o seu contrato com o Ultimate no peso leve.

Confira abaixo os resultados completos:

TUF Latin America 3 Finale: Dos Anjos x Ferguson
Cidede do México, México
05 de novembro de 2016

Tony Ferguson venceu Rafael dos Anjos na decisão unânime dos jurados
Diego Sanchez venceu Marcin Held na decisão unânime dos jurados
Ricardo Lamas finalizou Charles D Bronx na guilhotina aos 2min13s do R2
Martín Bravo venceu Claudio Puelles por nocaute técnico a 1min55s do R2
Beneil Dariush venceu Rashid Magomedov na decisão unânime dos jurados
Alexa Grasso venceu Heather Jo Clark na decisão unânime dos jurados

Card preliminar

Érik Pérez venceu Felipe Sertanejo na decisão dividida dos jurados
Joe Soto finalizou Marco Beltrán na chave de pé a 1min37s do R1
Max Griffin venceu Erick Montaño por nocaute técnico aos 54s do R1
Douglas D’Silva nocauteou Henry Briones aos 2min33s do R3
Sam Alvey venceu Alex Nicholson na decisão unânime dos jurados
Marco Polo Reyes venceu Jason Novelli na decisão dividida dos jurados
Enrique Barzola venceu Chris Avila na decisão unânime dos jurados

Ler matéria completa Read more

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *