UFC 202: McGregor supera Nate Diaz em duelo de 5 rounds

Share it
McGregor conseguiu impor seu jogo e vingou a derrota anterior. Foto: Reprodução

McGregor conseguiu impor seu jogo e vingou a derrota anterior. Foto: Reprodução

Mais uma vez, Conor McGregor e Nate Diaz ficaram frente a frente na luta principal de um card do Ultimate, e mais um show de MMA foi apresentado. Cinco meses após seu primeiro encontro, foi a vez do irlandês ir as forras e sair vitorioso no combate, após cinco assaltos de trocação intensa.

O confere rolou no UFC 202, realizado nesse sábado, dia 20, em Las Vegas. Nate pisava no cage embalado pela vitória por finalização, no mata-leão, em seu primeiro encontro. Com a certeza de que era capaz de abaixar a crista de Conor, o irmão de Nick Diaz adentrou no cercado com grandes chances de vitória, mas as bolsas de apostas ainda assim apontavam McGregor como favorito.

Conor, para evitar a segunda derrota, adotou nova postura no octógono. Logo no primeiro assalto era visível a sobriedade do irlandês, com um semblante sério e chutes baixos da maior distância possível, o que fica bem difícil contra o longilíneo peso meio-médio Nate. Nas primeiras duas etapas, McGregor teve as melhores investidas, e Diaz ficou com a lataria avariada cedo no combate.

Como era de se esperar, o cheiro de sangue ativou o modo brawler de Nate, que entrou mais agressivo e contundente no terceiro assalto. Golpes mais fortes, provocações e pressão sobre Conor. Começava a ser ensaiada a reação que ditou o ritmo do primeiro encontro entre eles. Contudo, mesmo com a batida mais lenta, McGregor não esmaeceu na luta, e manteve suas ações em modo de maratona.

Mais dois assaltos vieram, Nate tentou quedar sem sucesso, para usar o Jiu-Jitsu que havia lhe dado a vitória no combate anterior. No fim do duelo, Diaz conseguiu derrubar, mas faltavam poucos segundos para o fim, e o destino do duelo já estava resolvido.

A decisão ficou com os jurados. Um empate foi contabilizado por um dos árbitros laterais, e os outros dois anotaram vitória para Conor McGregor, para sacramentar o vencedor. Conor comemorou bastante, e Nate discordou o resultado, para logo em seguida revelar sua intenção de mais um duelo milionário entre eles.

Ainda na noite, Anthony Johnson e Glover Teixeira fizeram um encontro de meio-pesados nocauteadores no co-evento principal. No combate, onde um piscar de olhos poderia resolver a parada, melhor para Johnson, que com um justo uppercut nocauteou o brasileiro Glover em apenas 13 segundos de luta.

Confira abaixo os resultados completos!

UFC 202
Las Vegas, Nevada
20 de agosto de 2016

Conor McGregor venceu Nate Diaz na decisão majoritária dos jurados
Anthony Johnson nocauteou Glover Teixeira aos 13s do R1
Donald Cerrone venceu Rick Story por nocaute técnico aos 2min02s do R2
Mike Perry venceu Hyun Gyu Lim por nocaute técnico aos 3min38s do R1
Tim Means venceu Sabah Homasi por nocaute técnico aos 2min56s do R2

Card preliminar

Cody Garbrandt venceu Takeya Mizugaki por nocaute técnico aos 48s do R1
Raquel Pennington venceu Elizabeth Phillips na decisão unânime dos jurados
Artem Lobov venceu Chris Avila na decisão unânime dos jurados
Cortney Casey finalizou Randa Markos no armlock aos 4min34s do R1
Lorenz Larkin venceu Neil Magny por nocaute técnico aos 4min08s do R1
Colby Covington venceu Max Griffin por nocaute técnico os 2min18s do R3
Marvin Vettori finalizou Alberto Uda na guilhotina aos 4min30s do R1

Ler matéria completa Read more

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *