Em dia ruim para brasileiros, Overeem vence Arlovski no UFC Holanda

Share it
Overeem venceu sua quarta luta seguida no UFC. Foto: JOsh Hedges/Zuffa LLC via Getty Images

Overeem venceu sua quarta luta seguida no UFC. Foto: JOsh Hedges/Zuffa LLC via Getty Images

O Ultimate atracou pela primeira vez na Holanda, para o UFC Roterdã, neste domingo, dia 8. Na luta principal, o anfitrião Alistair Overeem confirmou sua grande fase e venceu Andrei Arlovski por nocaute técnico no segundo assalto.

No co-evento, Pezão concluiu o evento de derrotas brasileiras ao ser superado pelo também lutador da casa Stefan Struve, em duelo que durou 15s.

Confira os destaques:

Overeem despacha Arlovski e se aproxima de luta por título

Ovacionado pela galera em Roterdã, Alistair Overeem se encheu de confiança para encarar Andrei Arlovski. O duelo seria aparentemente amigável, já que os dois atletas treinam na mesma equipe, liderada por Greg Jackson (Mesma de feras como Jon Jones e Holly Holm), mas, como estamos falando de uma luta de pesos pesados, amigável não se encaixa bem no contexto.

No primeiro assalto vieram as primeiras pedradas. Arlovski e Overeem se estudavam muito, e tiveram equilíbrio na trocação. Apesar da falta de gás, Overeem conseguiu uma queda no fim do assalto e teve leve vantagem.

Já na segunda etapa, o holandês conseguiu forte cruzado, que levou Andrei ao solo. Alguns golpes por cima e fim de papo. Agora é aguardar qual será o próximo passo de Overeem no Ultimate. Será que ele se encaixa para lutar pela cinta?

Struve vence Pezão em 15s

Duelo rápido e consistente pra o jovem gigante Stefan Struve. Pezão entrou decidido a vencer, com seu novo penteado, e com a estratégia certa de encurtar a distância e evitar o controle de cage de Struve. Só que logo na primeira investida de Pezão, o holandês conseguiu encaixar bom golpe e tontear o brasileiro.

Mesmo com uma boa pegada no single-leg, Pezão ficou exposto no solo, já que Struve conseguiu sentar e desferir uma forte sequência de cotoveladas na cabeça de Antônio, o que obrigou o árbitro a encerrar a luta em velozes 15s. Foi o segundo mais rápido nocaute da história dos pesos pesados do UFC.

Outros brasileiros no card, Francimar Bodão e Yan Cabral acabaram também superados. Bodão foi finalizado por Nikita Krylov no segundo assalto, ao bater num mata-leão, e Yan Cabral foi surpreendido por bom golpe de Reza Madadi na metade do terceiro assalto, e perdeu por nocaute técnico.

Confira abaixo os resultados completos:

UFC Rotterdam
Roterdã, Holanda
8 de maio de 2016

Alistair Overeem venceu Andrei Arlovski por nocaute técnico a 1min12s do R2
Stefan Struve venceu Antônio Silva por nocaute técnico aos 15s do R1
Gunnar Nelson finalizou Albert Tumenov no mata-leão aos 3min15s do R2
Germaine de Randamie venceu Anna Elmose por nocaute técnico aos 3min46s do R1
Nikita Krylov finalizou Francimar Bodão no mata-leão aos 3min11s do R2
Karolina Kowalkiewicz venceu Heather Jo Clark na decisão unânime dos jurados

Card preliminar

Rustam Khabilov venceu Chris Wade na decisão unânime dos jurados
Magnus Cedenblad venceu Garreth McLellan por nocaute técnico os 47s do R2
Josh Emmett venceu Jon Tuck na decisão dividida dos jurados
Reza Madadi venceu Yan Cabral por nocaute técnico a 1min56s do R3
Kyoji Horiguchi venceu Neil Seery na decisão unânime dos jurados
Leon Edwards venceu Dominic Waters na decisão unânime dos jurados
Ulka Sasaki finalizou William Gates no mata-leão aos 3min30s do R2

Ler matéria completa Read more

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *