Rio BJJ Pro: Confira as regras de inscrição e garanta seu prêmio em dinheiro

Share it

Torneio da CBJJ que contempla seus campeões com premiações em dinheiro, o Rio BJJ Pro rola nos dias 14 e 15 de novembro, no Club Municipal da Tijuca. E para esclarecer alguns detalhes sobre as regras de inscrição, GRACIEMAG apurou e trouxe em detalhes para você, amigo competidor.

A principal dúvida fica entre a necessidade de pontuação no ranking da IBJJF. Esta restrição vale APENAS para divisão de faixas-pretas adultos no masculino. Para as demais faixas (de branca à preta, entre masters e também no feminino) não existe a necessidade de pontuação no ranking. As inscrições são abertas.

No masculino faixa-preta adulto, os campeões de cada categoria recebem a bolada de 4 mil reais, e o segundo lugar 2 mil. Nâo haverá disputa em peso aberto (absoluto). Para inscrição, o faixa-preta precisa de 10 pontos no ranking.

BjjPro2015_info_final.cdr

Já no faixa-preta feminino e demais faixas do masculino adulto e master, não é necessário pontuação no ranking, e os prêmios são apenas para os campeões absolutos, com valores entre 400 reais e 1.500 reais. Apenas os três primeiros colocados de casa divisão de peso (1°, 2° e 3°) poderão se inscrever no absoluto.

BjjPro2015_info_final.cdr

Os atletas da faixa-branca também estão aptos a disputar o torneio, porém sem premiações em dinheiro. As inscrições vão até o dia 6 de novembro. Então corra e não fique de fora!

Para inscrever-se, clique aqui!

Ler matéria completa Read more
There are 3 comments for this article
  1. Glacianee Axt at 2:39 pm

    Continua sendo rídicula a maneira que premiam o feminino. Masculino adulto marrom 800 e feminino 400?! O absoluto – preta- feminino é 1.500 só para a 1ª e no masculino é 4.000 pro 1º e 1.000 pro 2º. É triste ver isso, muito mesmo.
    Só de Jiu-Jitsu eu tenho 11 anos treinando e 2 anos de marrom. Sou menos merecedora que um homem faixa marrom?! Hipocrisia total isso. O pior é que ainda vai ter algum imbecil dizendo algo sobre o Jiu Jitsu feminino.

  2. Guilherme Santana at 4:13 pm

    O argumento usado é a que a disputa no masculino é maior pelo número de competidores, entre outras… Discordo disso, mas tanto no jiu quanto em outras modalidades de luta e esporte, ainda é isso que impera… Aos poucos está mudando, logo a igualdade vai chegar ao Jiu e aos outros esportes também.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *