As 10 razões para você ler a GRACIEMAG #221 hoje antes de ir treinar Jiu-Jitsu

Share it

capa_221br

1. Você precisa entender o que se passa na cabeça do principal competidor de Jiu-Jitsu da temporada 2015, enquanto ele está no olho do furacão, ou seja, no campo de batalha mais importante de todo grand slam: o Mundial, na Califórnia. “Todo mundo treina tão forte que o diferencial no fim das contas é a cabeça”, disse Bernardo Faria, à nossa reportagem.

2. Existe um método de treinamento que estimula você a “finalizar no automático”. Você sabe como isso funciona? Sabe quais os benefícios que isso traz para o seu jogo? Não? Então corra até as bancas e compre a GRACIEMAG #221 agora mesmo!

3. Não é todo dia que você tem uma aula sobre a guarda 50/50 com Rafa Mendes e sobre berimbolo com Paulo Miyao, dois astros do Jiu-Jitsu competitivo, que agora moram nos Estados Unidos e pouco vêm ao Brasil para ensinar. Eis que, na GRACIEMAG #221, lá estão eles fazendo demonstrações em formato passo a passo, transmitindo macetes fundamentais para o seu jogo. Vai perder?

4. Se você é iniciante no Jiu-Jitsu, fizemos uma matéria valiosíssima com o bicampeão mundial Marcio Pé de Pano, na página 32 da GM #221. No artigo, o craque dá dicas para você evoluir rápido e com consistência, rumo à faixa-preta. “Arrisque nos treinos!”, recomenda Pé de Pano. “Se você não se arriscar nas posições em que é mais deficiente, nunca vai melhorar seu ponto fraco, e periga apresentar sempre uma falha no seu jogo”.

5. Sabe quem é a gatinha da Lituânia que passou o carro em geral na divisão feminina do último Mundial? Fizemos uma entrevista bem bacana com o novo xodó do Jiu-Jitsu, Dominyka Obelenyte, a aluna de Marcelo Garcia dona de um jogo meio esquisito e super eficiente. Confira na página 16 da GRACIEMAG #221.

 

IMG_8631

Dominyka no Mundial 2015: a nova rainha absoluta do Jiu-Jitsu tem pernas compridas e omoplatas para lá de estranhas.

6. Gosta de polêmica, leitor? Nosso colunista de MMA, Mauro Ellovitch, abraçou a causa do Jiu-Jitsu e sentenciou: “O Jiu-Jitsu é o pai do MMA. Contudo, o UFC é um filho ingrato e renegou suas origens. Se um wrestler aplica uma queda e fica por cima sem fazer quase nada, ele não é punido e ainda ganha o round. Quando um praticante de Jiu-Jitsu está usando o tempo necessário para tentar uma transição ou preparando um ataque, muitos dos árbitros reiniciam a luta em pé”. O artigo está pegando fogo, exaltando craques que conseguiram ir contra a corrente e vencer no UFC com as técnicas da arte suave, como é o caso do atual campeão peso pesado, Fabricio Werdum.

7. São muitas as lições que você vai encontrar na edição #221. Porém, isso não bastaria para torná-la fundamental ao seu Jiu-Jitsu. O grande diferencial da publicação são os professores que transmitem as lições. Além de todos os grandes nomes que já mencionamos nesta lista, você vai aprender também com Anderson Silva, Xande Ribeiro, Wellington Megaton, Mackenzie Dern, Fabio Gurgel, Zé Mario Sperry, Bruno Malfacine, entre tantos outros astros.

8. Todo lutador de Jiu-Jitsu tende a gostar de uma malhaçãozinha, não é mesmo? Porém, nem sempre há tempo para irmos à academia e passarmos mais de uma hora por lá, levantando pesos. Nosso colunista Martin Rooney apresenta na GM #221 uma forma interessante para você se exercitar de maneira rápida, com ótimo aproveitamento, e o que é mais importante: em qualquer lugar e sem custo algum. Confira!

9. Se você já é faixa-marrom, tem de começar a estudar os ataques e defesas das chaves de perna, correto? Pois na página 64 da GM #221, o campeão mundial absoluto deste ano ensina os macetes da chave de joelho com que ele vem finalizando geral e aterrorizando seus rivais. “Esse golpe pega rápido demais, não dá nem tempo de batucar”, lamentou uma das vítimas.

IMG_5693

Bernardo Faria contra Leandro Lo: a semifinal do absoluto foi um dos grandes momentos do Mundial.

10. SUPERAÇÃO. Talvez esse seja um dos grandes papéis da GRACIEMAG, revelar casos em que lutadores de Jiu-Jitsu deram a volta por cima, apesar de todas as adversidades, e conseguiram alcançar seus objetivos. Ao narrar esse casos, GRACIEMAG presenteia seus leitores com exemplos de vida, fontes de inspiração. E assim nossos leitores têm mais força para enfrentar os obstáculos do dia a dia. Nesta edição #221, são vários os exemplos de superação. A vitória de Xande Ribeiro no Mundial 2015 é um desses exemplos. O veterano venceu o Mundial na faixa-preta pela primeira vez em 2004. Onze anos depois, ele voltou ao evento e conquistou novamente a medalha de ouro. Histórias como essa vão fortalecer você e servir como um guia para a sua vida, amigo leitor. Tenha uma ótima leitura. Você merece a GRACIEMAG #221.

Se preferir assinar ou precisar adquirir números antigos, clique aqui.

Ler matéria completa Read more

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *