Barão e o conselho para recuperar o cinto: “Tem de vencer o TJ nas diagonais”

Share it
Dillashaw nocauteou  Renan Barão.  Foto: UFC.com

Dillashaw nocauteou Renan Barão. Foto: UFC.com

Em sua terceira luta pelo UFC, em abril de 2013, Hugo Wolverine conheceu sua primeira derrota na carreira ao ser nocauteado por TJ Dillashaw que, um ano depois derrotou Renan Barão e tornou-se campeão peso-galo do Ultimate. Dia 25 de julho, o americano dará a revanche para Barão no UFC on Fox 16, programado para acontecer em Chicago. Para Wolverine, o faixa-preta da Nova União precisa “matar” o jogo de pernas do americano e trabalhar bem as diagonais contra Dillashaw.

“TJ está em momento ascendente, aquele momento em que o atleta vem de boas vitórias. Está muito confiante na parte de trocação. É um cara que trabalha muito bem as diagonais e os golpes de encontro. Esse é um ponto importante que o Barão tem de melhorar. Não só o quesito frente e trás, mas também utilizar técnicas para trabalhar um pouco mais em diagonais, em golpes de encontro, para, assim, ser efetivo contra o Dillashaw, que se movimenta muito. Não é simplesmente colocá-lo para baixo, porque é muito difícil, é um cara que tem um nível de wrestling altíssimo. Então, vai ter de pontuar, bater nele para ele ficar mole, e aí sim buscar o nocaute ou colocar para baixo. Esse é um grande desafio”, opinou.

Sem lutar desde julho de 2015, Hugo Wolverine está usando o tempo longe do octógono para melhorar o seu jogo. Depois de treinar wrestling com a seleção brasileira – e beliscar até uma medalha de bronze no campeonato paulista – o baiano resolveu passar uma temporada no Rio, treinando com Miltinho Vieira, para aprimorar o seu jogo de chão e pegar um pouco da experiência do veterano lutador, que tem passagens pelo Pride e UFC.

“Já conheço o Miltinho de longa data, acho que ele pode me ajudar muito. Ele tem muita bagagem, muita experiência. E não é só na questão do grappling, mas também como atleta. Então, esse conhecimento, essa experiência, ele pode passar para mim”, encerrou Wolverine.

(Fonte: Assessoria de imprensa)

Ler matéria completa Read more
There are 2 comments for this article

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *