Conheça o brasileiro Jonnatas Gracie, o Gracie (ainda) sem sangue azul

Share it
Jonnatas Gracie é faixa-azul de Jiu-Jitsu. Foto: Arquivo Pessoal

Jonnatas Gracie é faixa-azul de Jiu-Jitsu. Foto: Arquivo Pessoal

Do Rio Grande do Norte para o mundo, o jovem potiguar Jonnatas Gracie foi uma das revelações da seletiva do ADCC em Barueri, nos dias 18 e 19 de abril. Nascido em Natal e radicado em São Paulo, o lutador tem como combustível um grande sonho: vencer e ganhar a vida lutando Jiu-Jitsu.

Medalha de bronze na seletiva, ao perder a semifinal para o experiente Claudio Caloquinha, Jonnatas é apenas um faixa-azul cheio de sonhos. Mas que trabalha duro, desde os 14 anos.

Jonnatas, apesar do nome, não faz parte da família Gracie, a família real do Jiu-Jitsu. O atleta da Guigo Jiu-Jitsu disse que Gracie não é sobrenome, e contou como o nome foi parar na identidade.

“Meu pai me deu esse nome. Ele já era e ainda é um grande fã de lutas e queria honrar a família Gracie”, disse o lutador de 18 anos. “Seu lutador favorito é o Royce”.

Jonnatas  é um papa-títulos da CBJJ. Em março, ele faturou o ouro no peso leve do Rio Fall Open.

“Eu não trabalho, deixei tudo para me dedicar a este esporte. Moro na academia do Guigo, para me dedicar 100% ao Jiu-Jitsu, sem distrações. Só posso fazer isso graças ao meu professor, que me apoia. Não tenho palavras para descrever o quanto ele me ajuda, ele é uma pessoa incrível”, contou Jonnatas, para o site BJJ Heroes.

Ídolos no esporte? Ele prefere exaltar os amigos da própria academia.

“Digo sempre que os maiores exemplos que tenho são as pessoas com quem compartilho meu dia. Os que vivem ao meu lado, estes são os caras que eu chamo de ídolos”, encerra a jovem promessa.

Ler matéria completa Read more
There are 13 comments for this article
  1. Leonardo Neves at 4:41 pm

    Lutinha morna essa aí, hein? Poderiam ter colocado alguma da seletiva para o ADCC que ele disputou e ficou em 3º, por exemplo. E em relação à nome, isso é apenas um detalhe. Pelé teve um monte de filho e nenhum vingou na carreira. O conta é uma rotina de treino desgastante, dia após dia, e muito empenho. No mais é isso aí… Oss!

  2. Ewerton Dario at 11:08 pm

    Parabéns irmão o pódio e seu lugar,pois pra que sempre pensava que VC não chegaria a lugar nenhum,hj não podem falar pois VC sempre foi campeão e sempre provou e fez ingulirem as palavras, fica com deus e muito sucesso ainda esta no começo de uma longa jornada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *