De volta ao UFC, Rampage Jackson justifica saída do Bellator

Share it
Rampage está de volta ao UFC. Foto: Josh Hedges/Zuffa LLC via Getty Images

Rampage está de volta ao UFC. Foto: Josh Hedges/Zuffa LLC via Getty Images

Mais um episódio das reviravoltas do mercado mundial do MMA. Após uma saída conturbada do UFC ao assinar com o Bellator, Quinton “Rampage” Jackson volta atrás e faz novo contrato com o Ultimate.

As informações foram ventiladas na mídia durante a ultima semana. Mas só no sábado, dia 20, a notícia foi confirmada pela organização amior do MMA. O porém do contrato foi apenas o fato de Rampage continuar ligado contratualmente com o Bellator. A disputa judicial era evidente, ms o meio-pesado comunicou, por meio de sua página oficial, os detalhes da quebra com o Bellator e assinatura com o UFC:

“Após cinco meses de negociações conflitantes do contrato com o Bellator e a Viacom, Quinton ‘Rampage’ Jackson oficialmente rompe seu contrato com a organização, citando múltiplas brechas desde a saída do presidente e fundador do evento, Bjorn Rebney. Jackson exerce uma cláusula no acordo que permite uma janela de 45 dias para satisfazer qualquer eventual disputa. O Bellator, incapaz de atender as demandas de Jackson, foi avisado previamente, não abriu o diálogo e finalmente notificou de que as negociações estavam encerradas.”

Ainda sobre o assunto, Rampage explicou como chegou ao UFC após encerrar suas obrigações com o Bellator, e fez votos de sucesso à antiga casa:

“Fui ao UFC e nós formulamos um acordo benéfico para ambos. Estou empolgado por voltar. O UFC não teve nada a ver comigo deixando o Bellator. Eu estava terminado com o Bellator quando fiz a última ligação para eles e eles ainda não fizeram o que tinham que fazer contratualmente. Desejo o melhor a eles, mas estou onde devo ficar”, disse o casca-grossa.

Os detalhes do contrato com o UFC não foram divulgados. Rampage, aos 36 anos, volta ao UFC com um cartel de 35 vitórias e 11 derrotas.

E você, leitor, o que acha da volta de Rampage Jackson ao UFC? Comente conosco!

Ler matéria completa Read more

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *