Lawler vence e fica com o cinturão; Pettis finaliza e mantém título no UFC 181

Share it
Lawler supera Hendricks e fica com o cinturão dos meio-médios. Foto: JOsh Hedges/Zuffa LLC via Getty Images

Lawler supera Hendricks e fica com o cinturão dos meio-médios. Foto: JOsh Hedges/Zuffa LLC via Getty Images

Uma noite de surpresas para os fãs de MMA no UFC 181, realizado neste sábado, dia 6 de dezembro, em Las Vegas. Na luta principal, Robbie Lawler conseguiu superar Johny Hendricks em dividida e polêmica decisão, para ficar com o cinturão peso meio-médio do Ultimate. Antes, Anthony Pettis usou o Jiu-Jitsu e finalizou Gilbert Melendez para defender seu título nos pesos leves. Confira os destaques:

Lawler supera Hendricks na decisão

Em aguardada revanche pelo cinturão peso meio-médio do UFC, Robbie Lawler e Johny Hedricks dividiram, mais uma vez, o cage do oito lado do UFC. O combate foi disputado round a round, como era de se esperar. No início da luta, Lawler acelerou e buscou liquidar a fatura. Sem êxito, o até então desafiante seguiu no combate, e Hendricks, com seu queixo duro e esquerda precisa, batia forte e combinava com chutes.

Cinco assaltos passaram. Lawler queria o combate enquanto Hendricks, possivelmente sentindo o cinturão em mãos, investia nas pernas e amarrava o combate. O público vaiou, e Lawler foi pra cima com tudo na quinta etapa. Fim de luta e decisão na mão dos jurados.

Há quem diga que, no UFC, decisões polêmicas ficam na mão do campeão. O próprio Hendricks havia provado disso contra GSP, em combate no qual foi o desafiante e perdeu para o canadense. Porém, na contagem dos jurados, a decisão dividida ficou para Robbie Lawer, e este foi declarado novo campeão meio-médio.

Pettis usa o Jiu-Jitsu e finaliza pelo título

A justa guilhotina de Pettis sobre Melendez no UFC. Foto: Josh Hedges/ZUffa LLC via Getty Images

A justa guilhotina de Pettis sobre Melendez no UFC. Foto: Josh Hedges/ZUffa LLC via Getty Images

No co-evento com cara de luta principal deste UFC, Anthony Pettis encarou Gilbert Melendez pelo cinturão peso leve da organização. Melendez, ex-campeão do Strikeforce, entrava confiante a bater o ex-campeão do WEC e atual rei dos leves. Mas a batalha foi definida na surpresa do Jiu-Jitsu.

Malandez entrou com a estratégia traçada: não deixar Pettis lutar. Melendez manteve a pressão e avançou o tempo todo, e assim o campeão não conseguiu atacar. Depois de encurtar com golpes, Melendez ia para as pernas e tentava a queda. O rimo se manteve durante todo o primeiro assalto.

Na segunda etapa, mais do mesmo. Gilbert parecia sedento e caçava Pettis no cage. O seu córner gritava para que o desafiante não perseguisse tanto o campeão, mas os gritos foram em vão. Em um dos avanços, Pettis conseguiu encaixar bom soco de encontro. Tonto, Melendez tentou a perna, desta vez com menos precisão, e o espaço deixado foi suficiente para o faixa-roxa de Jiu-Jitsu Anthony Pettis laçar o pescoço de Melendez e finalizar na guilhotina. Aperto na trocação e salvação com o Jiu-Jitsu.

Outros destaques ficaram com o mata-leão de Tony Ferguson sobre Abel Trujillo e para a polêmica gravata de Urijah Faber sobre Francisco Rivera, que acusou uma dedada no olho segundos antes de batucar na finalização.

Confira os resultados completos:

UFC 181
Las Vegas, Nevada, EUA
6 de dezembro de 2014

Robbie Lawler venceu Johny Hendricks na decisão dividida dos jurados
Anthony Pettis finalizou Gilbert Melendez na guilhotina a 1min53s do R2
Travis Browne venceu Brendan Schaub por nocaute técnico aos 4min50s do R1
Todd Duffee nocauteou Anthony Hamilton aos 33s do R1
Tony Ferguson finalizou Abel Trujillo no mata-leão aos 4min19s do R2

Card preliminar

Urijah Faber finalizou Francisco Rivera no estrangulamento a 1min34s do R2
Josh Samman nocauteou Eddie Gorman aos 3min08s do R2
Corey Anderson venceu Justin Jones na decisão unânime dos jurados
Raquel Pennington finalizou Ashlee Evans-Smith no estrangulamento aos 5min do R1
Sergio Pettis venceu Matt Hobar na decisão unânime dos jurados
Clay Collard venceu Alex White na decisão unânime dos jurados

Ler matéria completa Read more

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *