Ronaldo Jacaré usa o Jiu-Jitsu e finaliza Gegard Mousasi no UFC

Share it
Ronaldo Jacaré aperta e avisa ao árbitro que Mousasi já bateu. Foto: osh Hedges/Zuffa LLC via Getty Images

Ronaldo Jacaré aperta e avisa ao árbitro que Mousasi já bateu. Foto: osh Hedges/Zuffa LLC via Getty Images

O UFC em realizado em Connecticut, EUA, na última sexta-feira, dia 5, teve um sabor especial para o fã de Jiu-Jitsu. Cria do pano e hoje atleta badalado no MMA, Ronaldo Jacaré voltou as raízes em uma apresentação firme no solo, culminando em uma finalização sobre Gegard Mousasi na luta principal do UFC Fight Night.

Ainda no card, os pesados Ben Rothwell e Matt Mitrione não tomaram conhecimento de seus oponentes e venceram no primeiro round com duras mãos por nocaute técnico. Entre os demais brasileiros no card, Rafael Sapo venceu e Rodrigo Damm foi superado, ambos na decisão dos jurados. Confira os destaques:

O Jiu-Jitsu de Jacaré ataca novamente

Apesar de mostrar uma evolução impressionante no jogo de trocação, Ronaldo Jacaré veio com estratégia feita para superar o perigoso striker Gegard Mousasi em sua batalha no peso médio do UFC: Abusar do Jiu-Jitsu.

Sem apostar na trocação, Jacaré fez das mãos apenas uma porta de entrada para sua investidas em queda. Quando rechaçado, soltava mais alguns golpes e voltava a atacar nas pernas. No solo, o estilo de sempre. Pressão para chegar na meia-guarda e passar, com postura por cima para golpear e acumular pontos. Até uma tentativa de kimura apareceu no final do primeiro e segundo assaltos, com Mousasi salvo pelo gongo em ambas.

Mas foi na terceira etapa que o combate se definiria. Em mais uma de suas quedas com controle por cima, Jacaré conseguiu perceber a brecha do exausto Mousasi, que levantou o corpo e expôs o pescoço para a fatal guilhotina de Jacaré. Laço passado, pressão na pegada de mão e três gentis tapinhas de Mousasi para encerrar a luta por finalização. (REVEJA AQUI)

Rothwell e Mitrione em pesadas tijoladas

No co-evento principal da noite, Ben Rothwell pisou no cage para encarar o conhecido Alistair Overeem na divisão de pesos pesados. Era esperado um duelo de trocação forte, pois ambos atletas possuem mão pesada.

Overeem tentou alguns chutes baixos, mas suas reações conseguiam ser mais lentas que a do desengonçado Rothwell. Este, por sua vez, encaixou um golpe limpo que balançou Overeem na primeira. Logo em seguida, um soco na cabeça desmontou o fortão holandês. Alguns golpes no solo e fim de papo. Nocaute técnico e dancinha da vitória para Ben Rothwell. (REVEJA AQUI)

Antes, Matt Mitrione encarou Derrick Lewis na mesma divisão até 120kg. Um duelo de pujança era aguardado, mas pouco segundos separaram o início do combate e o soco de encontro que Mitrione aplicaria em Lewis. Depois do golpe, um empurrão no já tonto Derrick o levou ao solo, para receber uma chuva de golpes por cima. Vitória arrasador para Matt Mitrione.

Entre os brasucas, Rafael Sapo Natal fez 15 minutos de combate contra Chris Camozzi na divisão de médios. Com muitos chutes e investidas de quedas, Sapo venceu em contestada decisão dividida dos jurados. Já Rodrigo Damm não foi páreo para o volume de golpes de Al Iaquinta, na divisão de leves, e perdeu na decisão unânime.

Confira os resultados completos:

UFC Fight Night: Jacaré x Mousasi
Connecticut, EUA
5 de setembro de 2014

Ronaldo Jacaré finaliza Gegard Mousasi na guilhotina aos 4min30s do R3
Ben Rothwell venceu Alistair Overeem por nocaute técnico aos 2min19s do R1
Matt Mitrione venceu Derrick Lewis por nocaute técnico aos 41s do R1
Joe Lauzon venceu Michael Chiesa por nocaute técnico (interrupção médica) aos 2min14s do R2
John Moraga finalizou Justin Scoggins na guilhotina aos 47s do R2

Card preliminar

Al Iaquinta venceu Rodrigo Damm por nocaute técnico aos 2min41s do R3
Rafael Sapo venceu Chris Camozzi na decisão dividida dos jurados
Chris Beal venceu Tateki Matsuda na decisão unânime dos jurados
Chas Skelly venceu Sean Soriano na decisão unânime dos jurados

banner_rodape_site_kimono_preto

Ler matéria completa Read more
There is 1 comment for this article

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *