Renato Cardoso troca de equipe e agora luta pela Alliance

Share it
Renato Cardoso em ação no Jiu-Jitsu. Foto: Jair Lacerda

Renato Cardoso em ação no Jiu-Jitsu. Foto: Jair Lacerda

O faixa-preta meio-pesado Renato Cardoso não faz mais parte da equipe Checkmat. O competidor explicou suas razões, em declaração ao GRACIEMAG.com. Leia a seguir:

“Venho comunicar meu desligamento da Checkmat. Aqui aprendi, sorri, fiz irmãos e agora me entristeço pelos companheiros de guerra que tenho de deixar. Queria agradecer em especial aos amigos que mais conviveram comigo: Michelle Nicolini, Pere, Nil Oliveira, Baiano, Palito, Finha, Bruninho e Bruno Físio.

“Quero agradecer à equipe, time pelo qual lutei dando tudo de mim. Time pelo qual dei literalmente o sangue e que admiro. Venho agradecer ao Leonardo Vieira por tudo que fez por mim e pelo apoio dado em todas as horas difíceis pelas quais passei na trajetória do Jiu-Jitsu; aliás, no mundo do Jiu-Jitsu nada é fácil.

“Ando em busca de conquistas e estou me mudando para São Paulo, onde farei parte da equipe Alliance. Quero agradecer a algumas pessoas que foram importantes para essa decisão, nessa nova fase da minha vida, como Antonio Peinado, Michael Langhi, Bruno Malfacine, Gabi Garcia e ao professor Fabio Gurgel. Não posso me esquecer de agradecer ao meu amigo Marcelo Baek, por acreditar em meu potencial e tornar meus sonhos possíveis.

“Por último quero fazer um agradecimento ao Rodrigo Cavaca, que me deu a faixa-preta e acreditou no meu potencial.

“Obrigado a todos que acompanham minha luta diária. Prometo dar o melhor de mim para alcançar meus sonhos.

“Renato Cardoso”.

Ler matéria completa Read more
There are 6 comments for this article
  1. Jjpoá Poájj at 2:59 pm

    Discute-se muito acerca da "esportivizacao" das artes marciais e, até que ponto isso seria bom. GRADUACOES para inglês ver, alguns deuses embusteiros que jamais pisaram em um tatame de competição se acha capaz de orientar e discernir entre o Jiu Jitsu Esportivo, o Jiu Jitsu Marcial e o Jiu Jitsu do "Face", aquele em que só tem "casca grossa". Lamentável!
    A transferência de nomes do Jiu Jitsu esportivo entre equipes, nada mais é que, um dado do mundo liquido, ou seja, da sociedade capitalista.
    Nao há "esportivizacao", há "futebolizacao" do Jiu. Puro interesse! Mas isso não é algo negativo, é apenas algo do tempo.
    Ruim ou bom, só o tempo pra dizer!

    REFERENCIAS
    Edgar Visan
    Zigmund Zygmunt Bauman
    Lipovetsky

  2. Rodrigo Carlos Moura at 3:24 pm

    Por que todo mundo sai da Check-Mat ? Desde a epoca da Brasa quando tinha um equipe de ponta e foi desmontada, para depois vir a check-mat e também tem problemas….seria leozinho que é um otimo professor o problema ? Alguem consegue entender ?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *