Vice brasileiro, Léo Cascão fala do Mundial no peso-pena e analisa Miyao

Share it
Leonardo Saggioro jogando por baixo na final do Brasileiro de 2012. Foto: Carlos Ozório

Leonardo Saggioro jogando por baixo. Foto: Carlos Ozório/GRACIEMAG

Faixa-preta da BTT, a fera Leonardo “Cascão” Saggioro não conseguiu repetir seu título no Brasileiro de Jiu-Jitsu, em Barueri, no início de maio. No entanto, o peso-pena fez bonito, ao finalizar seus quatro oponentes até a final da categoria, com Paulo Miyao (Cícero Costha).

Em rápida conversa com GRACIEMAG, o aluno de Ricardo Marques analisou a derrota por pontos para Miyao e falou sobre o que espera do Mundial da IBJJF, na Califórnia.

GRACIEMAG: Como você analisa o jogo de Paulo Miyao, agora que já sentiu aqueles giros na pele?

LEONARDO CASCÃO: O Paulo é um atleta excelente e muito dedicado, e ele estava mais condicionado do que eu. Infelizmente tive uns probleminhas de saúde que me atrapalharam na hora de perder peso para este Brasileiro da CBJJ. Acho que com essas dificuldades físicas chegar à final já foi uma vitória para mim.

Você foi medalhista de bronze no Mundial em 2012. Como você analisa o peso-pena para este Mundial de Jiu-Jitsu, no fim do mês?

Na minha opinião, a categoria pena é a que possui a maior quantidade de atletas com real chance de medalhas. Hoje eu me sinto capaz lutar bem com todos. Sempre me dediquei, busco sempre me aperfeiçoar, por isso me sinto vitorioso. Hoje em dia o nível dos atletas está forte, por isso é vital variar bem o jogo.

Ler matéria completa Read more
There is 1 comment for this article

Deixe uma resposta para Alexandre Reis Cancel comment reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *