Libório e Bebeo analisam brasileiros do UFC deste sábado

Share it

Bebeo e Libório e a experiência de formar astros no MMA. Foto: Divulgação

Bebeo e Libório e a experiência de formar astros no MMA. Foto: Divulgação

Ícones do MMA, Ricardo Libório e Bebeo Duarte são dois dos grandes nomes que ajudaram a difundir a modalidade em todo o planeta. Pupilos de Carlson Gracie, considerado por muitos o maior treinador de Jiu-Jitsu da história, eles são bons exemplos de atletas que deram seguimento a carreira dentro das artes marciais.

Enquanto Libório é um dos líderes da American Top Team (ATT), Bebeo é reconhecido por seu trabalho à frente da produção executiva do Jungle Fight.

Juntos nos Estados Unidos, os ex-lutadores comentaram sobre a participação dos atletas brasileiros escalados para o UFC on FOX 11, marcado para este sábado, dia 19, em Orlando.

Responsável pela preparação de Thiago Pitbull e Caio Monstro na ATT, Ricardo Libório se mostra otimista na participação dos seus comandados e destaca o retorno de Pitbull, que não entrava no octógono do UFC desde março de 2012.

“Destaco o Caio Monstro e o Thiago Pitbull, já que pude acompanhar os treinamentos deles dois. São dois atletas importantíssimos. O Thiago teve muitos momentos difíceis nos últimos anos, mas treinou bem, teve um ótimo camp e está preparado para voltar bem. Ele sempre vai estar entre os dez primeiros da categoria, já que tem um estilo de jogo que todos gostam. O Caio é outro cara que vem em ascensão e também confio bastante em um resultado positivo”, analisou

Há 13 anos morando nos Estados Unidos, Libório não esquece suas raízes brasileiras e aposta no sucesso dos seis compatriotas que estarão em ação no maior evento de MMA do mundo. Apesar da esperança pelos resultados positivos, ele fez questão de lembrar que o duelo mais complicado da noite será entre Fabricio Werdum e Travis Browne.

“Todos as lutas serão complicadas, mas estou muito confiante na capacidade dos brasileiros. Acho luta do Werdum será a maior pedreira da noite. É um combate que está sendo muito aguardada por todos. É muito difícil cravar um resultado em um duelo tão equilibrado. Acho que vai ser uma luta bem parelha, com 50% para cada lado. Estou aguardando um grande duelo”, concluiu o faixa preta de Jiu-Jitsu e judô.

Na mesma linha do amigo e ex-companheiro de treinamentos, Bebeo Duarte também mostra entusiasmo ao falar dos lutadores apontados para representar o Brasil, mas também ressalta a qualidade dos adversários.

“Acho que vai ser um grande evento com lutas muito interessantes. Acredito que o duelo do Werdum será o mais complicado, já que vale uma disputa de cinturão. Outra luta que merece destaque é a do Edson Barboza contra o Cerrone. Vai ser importante assistir a evolução do brasileiro como lutador de MMA, ele vai precisar estar atento na defesa de quedas e mostrar que evoluiu seu jogo de chão. O duelo do Rafael dos Anjos também será uma pedreira, o Nurmagomedov é um excelente lutador. Fico na torcida pelo brasileiro, mas não será fácil. Para encerrar, quero muito assistir ao retorno do Thiago Pitbull. Vai ser interessante ver como ele se porta voltando de tanto tempo parado”, disse o faixa- preta de Jiu-Jitsu.

(Fonte: Assessoria de imprensa)

Ler matéria completa Read more

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *