Pan 2014: André Galvão vence Leandro Lo no absoluto, Bia Mesquita reina no feminino

Share it
André Galvão na final com Leandro Lo no Pan 2014

André Galvão na final com Leandro Lo no Pan 2014. Foto: Ivan Trindade

Foi um dia memorável para o campeão André Galvão em Irvine, Califórnia. Primeiro, ele conquistou o ouro no Pan de Jiu-Jitsu 2014 no peso pesadíssimo, contra o embalado Alexander Trans. Depois, o título absoluto, contra o fenômeno Leandro Lo. E no fim, o título por equipes da Atos, por uma diferença de apenas dois pontos.

O líder da Atos San Diego venceu Alex Trans, na final do peso, por 5 a 1 nas vantagens, jogando por cima com segurança até quase o fim da luta.

Na final do absoluto, após a excelente campanha no sábado, André venceu Leandro Lo por uma vantagem.

Logo que a final teve início, Leandro tratou de puxar Galvão para a guarda. Nenhum dos dois conseguiu avançar muito a partir daí, apesar das boas tentativas e da extrema força nas pegadas dos dois monstros do Jiu-Jitsu.

Com um minuto para acabar, André então partiu para o ataque, e conseguiu jogar as pernas de Lo para o lado e quase chegar ao lado. Vantagem para ele. Lo contra-atacou levantando e tentando raspar, mas não convenceu os juízes. O professor da Atos faturou o campeonato absoluto após ser vice no ano passado.

Outros grandes destaques no peso foram Lo, que bateu Otávio Sousa, e Luiz Panza, que finalizou Bernardo Faria. Os irmãos Miyao fecharam o peso-pluma e confirmaram o status de feras na faixa-preta.

Bia Mesquita volta de contusão e vence absoluto

Bia Mesquita (azul) tenta desequilibrar Andresa na final do absoluto.

Recuperada de uma severa contusão na coxa, Beatriz Mesquita voltou dominando. Sem Gabi Garcia no evento, a musa da Gracie Humaitá reinou absoluta.

No peso leve, Bia estrangulou Fabiana Borges na final, após montar.

No absoluto, a aluna de Leticia Ribeiro confirmou o favoritismo e venceu a loura Andresa Correa, da Alliance, por 6 a 1 nas vantagens.

Luiza Monteiro também se destacou, com uma goleada absurda na final do peso.

Confira os demais resultados do peso na faixa-preta, com diversos fechamentos de chaves:

Pan faixa-preta adulto

Peso-galo: João Pedro Rodrigues venceu Milton Bastos por 1 penalidade

Pluma: João Miyao e Paulo Miyao fecharam

Pena: Mário Reis ficou com o ouro ao fechar com Gianni Grippo

Leve: Lucas Lepri ficou com o ouro ao fechar com Michael Langhi

Médio: Leandro Lo venceu Otávio Sousa por 5 a 2 nas vantagens

Meio-pesado: Guto Campos ficou com o ouro ao fechar com Keenan Cornelius

Pesado: Yuri Simões ficou com o ouro ao fechar com Lucas Leite

Superpesado: Luiz Panza finalizou Bernardo Faria no braço

Pesadíssimo: André Galvão venceu Alex Trans por 5 a 1 nas vantagens

Feminino:

Absoluto: Beatriz Mesquita venceu Andresa Correa por 6 a 1 nas vantagens

Pesado: Tammy Griego venceu Andresa Correa por 2 a 0

Peso leve: Bia Mesquita finalizou Fabiana Borges no estrangulamento

Pluma: Andrea Encarncacion venceu Nyjah Easton venceu por 1 vantagem no finzinho, após 4 a 4 no placar

Pena: Tammi Musumeci venceu Mackenzie Dern na decisão dos juízes

Médio: Luiza Monteiro venceu Megan Nevill por 24 a 0

Meio-pesado: Talita Treta Nogueira venceu Kay Stephenson por 4 a 0

Por equipes, o resultado final foi:

Adulto masculino:
1 – Atos Jiu-Jitsu – 96
2 – Alliance – 94
3 – Team Lloyd Irvin – 53

Adulto feminino:
1 – Alliance – 63
2 – Gracie Humaitá – 42
3 – Atos Jiu-Jitsu – 33

Juvenil
1 – Gracie Barra – 55
2 – Elite Mixed Martial Arts – 25
3 – Gracie Elite Team – 20

Masters
1 – Alliance – 196
2 – Gracie Barra – 192
3 – Gracie Elite Team – 186

Brancas
1 – Gracie Barra – 58
2 – CheckMat – 31
3 – Carvalho Teixeira – 25

Confira os resultados oficiais do Pan 2014 em IBJJF.org.

 

Ler matéria completa Read more
There are 13 comments for this article
  1. Pedro Ivo at 1:47 am

    Atos botou quente! mostrando que é uma das grandes promessas para figurar no lugar mais alto do pódio nos próximo camps. 5 fechamentos! se no mundial for assim vai ser frustrante…enfim, foi um bom camp, com destaque para as lutas do Otavio x Lo, Panza x Bernardo…a final entre galvao e lo achei que deixou a desejar!nos 20 s final foi que explodiu e foi guerra, de onde saiu a vantagem do galvao, mas os 9 minutos e 40s restante foi bem morna.

  2. Pedro Ivo at 1:48 am

    destaque tbm para a luta do Keenan e do Rodrigo Fajardo! o americano pegou o Fajardo num triangulo da montada fulminante, mas o cara resistiu bravamente ainda por uns 3 min ate bater.

    • Marcelo Dunlop at 4:23 pm

      Boa, olhos de lince, Pedro Ivo: Peso leve: Bia Mesquita finalizou Fabiana Borges com um estrangulamento pelas costas.

  3. Cassiano Pereira at 11:52 am

    Como profissionalizar um esporte em que 50% finais de um grande evento não acontecem? Ok, mesma equipe, treinam juntos…certo. Então façamos o seguinte, somente um de cada equipe podem competir…que façam uma seletiva prévia entre eles. Não sou dono da verdade, mas acho ridículo essa ocorrência. Algo precisa ser feito. Como premiar um campeão que não lutou a final? Por favor dirigentes, pensem em algo.

  4. Marcio Fernandes at 2:00 pm

    Neste aspecto admiro o Judô, que não tem essas "frescuras" de não lutar com companheiros de academia. Lá eles saem na mão e depois a amizade continua. Isso acontece no Jiu por frouxidão da IBJJF que não legisla em beneficio do esporte como um tudo, mas apenas para seus próprios interesses.

  5. Deividi Silva at 2:56 am

    Depois que os Myaos e Cornelius foram pra preta a Graice Mag parou de divulgar os resultados da faixa marrom, mas no entanto da destaque pra uma faixa branca que fez uma luta…….

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *