Otávio vê Pan como degrau importante para o tri mundial e relembra duelo com Lo

Share it
Otavio Sousa. Foto: GRACIEMAG

Otávio na final dos médios, no Mundial 2013, contra Calasans. Foto: Dan Rod

Com o fim do longo reinado de Marcelinho Garcia em 2011, o peso médio faixa-preta tem, há dois anos, Otávio Sousa como dono do trono mundial da categoria.

Categoria espinhosa, a divisão dos médios tem, no entanto, um revezamento bem maior quando se trata do Pan de Jiu-Jitsu da IBJJF. O atual campeão, por exemplo, é Clark Gracie. Em 2012 e 2011, Claudio Calasans foi o vencedor. Em 2010, deu Kayron – ano, por sinal, em que Otávio faturou o ouro no meio-pesado.

Pois agora o pupilo de Zé Radiola quer retomar o gosto de subir no alto do pódio do Pan, diante de seus alunos na Califórnia. Para chegar lá, ele sabe que não vai ser fácil – até mesmo pela presença de um “novato” na categoria, o bicampeão mundial dos leves Leandro Lo, além de outros favoritos.

O professor da Gracie Barra comentou sobre sua preparação para o Pan 2014, que começou quarta-feira, em Irvine. Confira:

GRACIEMAG: Como atual campeão mundial da categoria, você se vê com a obrigação de vencer o Pan também?

OTÁVIO SOUSA: Eu tenho me dedicado ao máximo nos treinos, com a meta de conquistar meu objetivo maior: meu terceiro título mundial consecutivo na faixa-preta, este ano. Então estou treinando forte, claro, fiz minha preparação e me sinto bem, mas entro nas competições sem me cobrar tanto. Eu procuro dar o meu melhor, sem deixar pressão nenhuma nem nada atrapalhar o meu resultado. Busco apenas melhorar em todos os sentidos durante o ano, para chegar na hora da verdade afiadíssimo e não cometer erros. Os treinos foram ótimos na GB, e fiz bastante treino específico com meus alunos e meus parceiros de faixa-preta.

O que você fez diferente este ano, para chegar mais preparado para o Pan?

Este ano decidi lutar a seletiva para o WPJJC em Montreal, no Canadá. Eu queria muito lutar em Abu Dhabi. O bom é que, ao mesmo tempo, essa vitória já me faz chegar com o ritmo bom para o Pan. Vou entrar lá com muita vontade de ganhar, e prometo brigar até o final para conquistar o que desejo.

Como você vê a chegada de Leandro Lo no peso médio?

Será um novo desafio. Leandro Lo é um atleta duríssimo, que tem todo o meu respeito. Preferia que ele ficasse no peso leve, né [risos]. Mas vai ser excelente lutar com mais um campeão mundial, eu treino e me dedico para lutar com os melhores. Já lutamos uma vez na Copa Pódio. A luta terminou empatada, com dois pontos para cada. A categoria médio sempre foi uma das categorias mais difíceis e concorridas, com grandes nomes. E tenho certeza de que este ano não será diferente, terei outros desafios e uma nova geração chegando. Vai ser guerra!

Para saber como assistir ao Pan, visite o site da IBJJF, aqui.

Ler matéria completa Read more
There are 12 comments for this article
  1. Gadistone Rodrigues at 8:28 pm

    vai ser a estreia do lo de peso medio num evento grande ., ano passado ele lutou e foi campeão de novo como peso leve no mundial ,mais ele ja tem um tempo que vem lutando e arrastando tudo de medio tambem

  2. Caio Neves at 11:00 pm

    ta certo ele e estreante mesmo de podio no medio, agora a coisa ficou seria leandro lo leva sem dificuldade o peso ae sim vai ser a estreia no 1 lugar no podio !!!

    • Marcelo Dunlop at 9:14 pm

      Exato, lutou apenas um Pan no peso médio do ano passado, e sentiu a mudança. Rodrigo Silva está certo. Abraços

  3. Thiago Caetano at 12:59 pm

    So para esclarecimento. Leandro campeão.
    e ano passado ele luto com um furunculo nas costas e tomando antibiotico. Pra mim ele é o melhor peso por peso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *