Copa Pódio de Jiu-Jitsu: Rodolfo Vieira finaliza Leandro Lo na final do GP

Share it
Rodolfo Vieira e Leandro Lo se enfrentaram pela primeira vez: deu 0 a 0. Foto: Carlos Arthur Jr.


Rodolfo Vieira tenta passar a guarda de Leandro na primeira luta entre os dois craques e camaradas, no GP dos Pesados da Copa Pódio. Foto: Carlos Arthur Jr.

O Grand Prix de pesos pesados da Copa Pódio, realizado neste sábado 1º de fevereiro, foi uma guerra, mas sempre em clima de amizade e respeito. Invictos no evento de Jeferson Maycá até então, Rodolfo Vieira e Leandro Lo foram os finalistas do GP.

No primeiro encontro entre ambos, na fase de grupos, deu empate em 0 a 0. Na grande final, no entanto, Rodolfo passou a quinta marcha e obrigou Lo a virar de costas. Aos 2min56s de luta, arrochou o estrangulamento e fez Lo dar os três tapinhas.

Além da emoção e da técnica, o bom humor também deu o tom do evento. Por exemplo, no confere entre Rodolfo Vieira (GFTeam) e Faisal Alkitbi (UAE Team), quando o faixa-marrom árabe cumprimentou Rodolfo batendo os punhos, e o brasileiro fez cara feia e sacudiu os dedos, como se o soquinho tivesse doído horrores.

Sempre um rolo compressor, o craque da GFTeam entrou para defender seu título no GP dos Pesados em plena forma. Contra Leandro Lo e seus 82kg, na última luta da primeira fase, Rodolfo tratou de por pressão na guarda de Leandro Lo pelos primeiros dois minutos de luta, dos seis regulamentares.

A guarda aberta de Lo se portou bem, enquanto a torcida urrava em clima de pura euforia. Aos 4min10s, Rodolfo quase chegou do lado, mas sempre aparecia uma perna de Leandro para frustrar a passagem. Empate merecido e eletrizante, apesar do 0 a 0.

“Estou quase sem pegada, preciso botar água gelada nas mãos”, sorriu Leandro Lo, ao descer do palco.

A luta foi dura, mas tanto Rodolfo Vieira quanto Leandro Lo já estavam classificados para as semifinais, pois foram os melhores do grupo amarelo. Se Lo se segurou, Rodolfo finalizou seus três outros oponentes: Alexandre Souza, Faisal e Alan Belcher.

No grupo verde, Luiz Panza (9 pontos) e Travis Stevens (8 pontos) se classificaram. O judoca treinado por Renzo Gracie empatou com Léo Nogueira, mas passou por ter uma finalização a mais.

Nas semifinais, Lo raspou Luiz Panza três vezes para vencer por 6 a 4. Já Rodolfo raspou Travis Stevens e finalizou nas costas.

Na superluta, Felipe Preguiça e Guto Campos fizeram grande luta, e empataram em 10 a 10 após dez minutos de uma troca insana de raspagens. Na prorrogação com morte súbita, Preguiça deu mais um raspadão e venceu, 12 a 10.

Confira os resultados:

Copa Pódio – GP dos Pesados

Ginásio do Botafogo, Rio de Janeiro, RJ

1º de fevereiro de 2013

Desafio das Cidades

Franco Marini (Buenos Aires) finalizou Magid Hage (San Diego) na chave de pé aos 9min55s em luta sem pontos

1ª Rodada do GP

Grupo verde: Tim Spriggs (Lloyd Irvin) venceu Luiz Panza (Barbosa) por 3 a 2
Grupo verde: Travis Stevens (Renzo Gracie) finalizou Rico Bastos (Bruno Bastos) na chave de braço aos 4min57s
Grupo amarelo: Rodolfo Vieira (GFTeam) finalizou Alexandre Souza (AS Team) na chave de braço da montada aos 4min12s
Grupo amarelo: Faisal Alkitbe (UAE Team) venceu Alan Belcher (Team Moraes) por 2 a 0 numa bonita contraqueda

2ª Rodada do GP

Grupo verde: Luiz Panza (Barbosa) finalizou Rico Bastos (Bruno Bastos) no triângulo aos 4min56s
Grupo verde: Leonardo Nogueira (Alliance) venceu Tim Spriggs (Lloyd Irvin) venceu por 5 a 0 (raspagem e passagem)
Grupo amarelo: Rodolfo Vieira (GFTeam) venceu Faisal Alkitbe (UAE Team) por finalização nas costas após raspar, aos 3min32s
Grupo amarelo: Leandro Lo (Cícero Costha) raspou Alexandre Souza (AS Team) para vencer por 4 a 0

3ª Rodada do GP

Grupo verde: Léo Nogueira (Alliance) venceu Rico Bastos (Bruno Bastos) por 2 a 0
Grupo verde: Luiz Panza (Barbosa) finalizou Travis Stevens (Renzo Gracie) na chave de pé aos 35s de luta
Grupo amarelo: Leandro Lo (Cícero Costha) venceu Faisal Alkitbe (UAE Team) por 1 vantagem (raspagem)
Grupo amarelo: Rodolfo Vieira (GFTeam) estrangulou Alan Belcher (Team Moraes) pelas costas aos 3min20s de luta, após 12 a 0 no placar

4ª rodada do GP

Grupo verde: Travis Stevens (Renzo Gracie) e Léo Nogueira (Alliance) empataram em 0 a 0
Grupo verde: Tim Spriggs (Lloyd Irvin) venceu Rico Bastos (Bruno Bastos) por 2 a 0
Grupo amarelo: Leandro Lo (Cícero Costha) finalizou Alan Belcher (Team Moraes) no pescoço na guarda, aos 44s
Grupo amarelo: Alexandre Souza (AS Team) pegou Faisal Alkitbe (UAE Team) na chave de braço aos 5min42s

5ª rodada do GP

Grupo verde: Travis Stevens (Renzo) venceu Tim Spriggs (Lloyd) por 7 a 0
Grupo verde Luiz Panza (Barbosa) e Léo Nogueira (Alliance) empataram nas vantagens, após troca de chaves de pé e joelho
Grupo amarelo Alexandre Souza (AS Team) finalizou Alan Belcher (Team Moraes) na chave de braço do triângulo aos 3min33s
Grupo amarelo: Rodolfo Vieira (GFTeam) e Leandro Lo (Cícero Costha) empataram em 0 a 0

Semifinais

Leandro Lo venceu Luiz Panza por 6 a 4 em troca de raspagens

Rodolfo Vieira finalizou Travis Stevens com um estrangulamento pelas costas aos 3min11s

Luta especial

Felipe Preguiça (Gracie Barra) venceu Guto Campos (Atos) por 12 a 10 na prorrogação

Finais

23h10 3º lugar: Luiz Panza finalizou Travis Stevens na chave de pé

23h20 FINAL: Rodolfo Vieira finalizou Leandro Lo nas costas aos 2min56s de luta

Ler matéria completa Read more
There are 11 comments for this article
  1. Pedro Ivo at 6:17 pm

    Cara, não vi as lutas e to doido aqui pra ver!! mas eu tinha uma opinião sobre essa luta. Cara o Lo é o melhor passador de guarda toreando da atualidade, e tem uma das guardas mais temidas também! é bicampeão mundial, tem títulos em Abu Dhabi, tinha 100% de aproveitamento na copa pódio, ou seja, é um lutador FODA onde os resultados dispensam comentários! muitos caras na minha academia são fãs dele e sempre tentam se espelhar nele e tal!! mas o Lo tem um ponto negativo forte no jogo dele na minha humilde opinião: O Lo não finaliza cara!!! ele não tem um jogo finalizador!! vou dar alguns dado tirados do BJJ Heroes, que factuam o que eu digo…de 95 lutas do Lo relizadas no período de 2011-2013 o Lo finalizou 19 delas!! isso da um percentual de apenas 20 % de aproveitamento, só que ainda desse numero de 19, estão alguns torneios que ñao tem nome nenhum, então em relevância esse numero cairia ainda um pouco mais, mas deixei isso de lado…analisando pelo mesmo site o record do Rodolfo, nos temos em torno de 50 lutas e 31 finalizações!! isso da um percentual de 62% de aproveitamento em finalizações, com o detalhe de que no cartel do Rodolfo so constam torneios renomados (WJJPC, mundial, europeu e etc)…ou seja, o Lo tem um jogo muito bom, mas o cara não finaliza pow!! o jogo dele não é finalizador! enquanto que o Rodolfo é uma máquina de finalizar, então eu imaginava que seria dessa forma, mas como não vi as lutas não posso comentar mais a fundo!

    O Lo até comentou que embora tivesse conseguido o bicampeonato ano passado, ele não tinha ficado satisfeito, pois não tinha finalizado ninguém no torneio.

  2. Heriton Figueiro at 7:45 pm

    ja tinha ouvido falar e visto vides do Lo, mas depois que ele ministrou um seminário aqui no Ms pra nos no final do ano de 2012 em CG foi muito diferente galera, sem falar que tivemos o prazer fazer um rolinha com ele!!!! osssss Lendro. seu amigo Barba-Ruiva MGT Jiu-Jitsu!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.