Em tempos de berimbolo, Buchecha alerta: “Não esqueçam do básico”

Share it
Marcus Buchecha arrocha o triângulo. Foto: GRACIEMAG

Marcus Buchecha arrocha o triângulo. Foto: GRACIEMAG

Como em qualquer esporte ou modalidade, o Jiu-Jitsu visto nas competições há dez, 20 anos, não é igual àquele apresentado nas áreas de luta de hoje, claro. Novas posições surgem, ganham e perdem fama, como a guarda-aranha, a 50/50 e o berimbolo. Porém, um certo aspecto do Jiu-Jitsu nunca vai sair de moda ou deixar de ser eficiente: o básico.

E uma das maiores estrelas do Jiu-Jitsu mundial sabe bem disso. Atual bicampeão mundial absoluto Marcus “Buchecha” Almeida (Checkmat) sabe conciliar como poucos o básico e o inovador.

Em algumas lutas do último Mundial da IBJJF, em maio e junho de 2013, Buchecha optou por economizar nas cambalhotas e piruetas, e usou o velho e bom arrocho no pescoço para encerrar a luta rapidamente.

“Em tempos de berimbolo e posições mirabolantes, está aí um vídeo que mostra o simples e eficiente Jiu-Jitsu. Não esqueçam do básico”, lembrou Buchecha, em post recente em sua página pessoal.

A pedido do GRACIEMAG, o peso pesadíssimo detalhou a aparentemente simples finalização.

“Fiz algo parecido com uma guilhotina usando a gola. Muitas pessoas chamam esse estrangulamento de sururi e outras de anaconda, porque você tem de rodar por debaixo do adversário para ter mais pressão no arrocho. Mas como senti que o golpe já estava muito justo, optei por tentar finalizar por cima mesmo”, explicou.

Buchecha deve ser um dos grandes nomes no Pan da IBJJF, entre os dias 12 e 16 de março, em Irvine, na Califórnia. Ele é o atual campeão absoluto do torneio, tendo vencido André Galvão na final do ano passado.

Ler matéria completa Read more

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *