Veja Stallone e Robert De Niro dando uma lição em Chael Sonnen no UFC

Share it

Em cena divertida do filme “Ajuste de Contas”, que estreia nesta sexta-feira no Brasil, Chael Sonnen não se segura e se envolve em acalorada discussão com os personagens de Sylvester Stallone e Robert De Niro, em defesa do UFC. Mas os heróis do filme, velhos pugilistas, dão uma lição no próximo treinador do “TUF Brasil”. Confira.

Ler matéria completa Read more
There are 59 comments for this article
  1. Larissa Andreatta at 2:03 pm

    Por que falar "briga de chutes é coisa de meninas" como se ser mulher fosse algo ofensivo?
    Não dá para entender essa lógica dos homens de falar que qq coisa que eles não gostem é algo de "mulher" no ofensivo.
    Nessa eu torci para o Sonnem arrebentar eles, mesmo que só fosse um comercial de filme.

  2. Larissa Andreatta at 2:28 pm

    Marco Almeida, não torço, mas torci para ele só por causa do comentário ridículo do personagem do Stallone.
    E vc continua achando legal isso. Não se esqueça, caro lutador, que vc tem mãe, irmã (talvez) e provavelmente seja pai (se já não é) de uma moça e vê-las sendo comparada a algo ofensivo não é algo engraçado.
    Que pena que vc tb reproduz isso.

  3. Marco Almeida at 2:53 pm

    Larissa Andreatta Relaxa , vcs mulheres estão cada vez mais ganhando espaço no mundo das lutas e tem meu total apoio!!!
    Mas neste planeta e principalmente nas lutas vc tem q ter senso de humor e seguir em frente !!!
    Com o tempo vc ganha experiencia e vai aprender que oque os outros pensão de vc não tem q se tornar sua realidade e nem atrapalhar sua vida.
    Minha piada foi de apoio ao que vc postou e não de criticas… 😉

  4. Larissa Andreatta at 2:59 pm

    Marco Almeida, entendo que vc quer dizer que estamos ganhando espaço, principalmente nas lutas e fico feliz com isso pq vc sabe melhor que eu que ainda são poucas mulheres que participam JJ, por exemplo.
    Não briguei com vc, fiquei triste pq vc, sem querer provavelmente, reproduziu a piada "Coisa de Mulher torce para o Sonne" (pq vamos combinar, ele é um pela saco, mas só torci para ele por causa da piada infame do personagem do Stallone).
    Vc entenderia a minha posição e meu desconforto ao ouvir essas piadas (que não gosto) se vc fosse mulher ou fosse uma pessoa que sofresse discriminação todos os dias só por vc ser quem vc é.
    Obrigada pelo apoio e me desculpe caso eu tenha te ofendido com a resposta.

  5. Larissa Andreatta at 3:09 pm

    Igor Vaz, alguma mulher te deu O pé na bunda, né?
    Pelo seu comentário, tá na cara quem é o idiota aqui, babaca!

  6. Larissa Andreatta at 3:09 pm

    Igor Vaz, alguma mulher te deu O pé na bunda, né?
    Pelo seu comentário, tá na cara quem é o idiota aqui, babaca!

  7. Renato Ferrarini at 4:28 pm

    Larissa Andreatta Nem li… parei no blabla bla bla bla Não dá para entender !
    P/ mim, está tudo certo, mulher nunca entende nada mesmo ! Não adianta explicar !

  8. Larissa Andreatta at 6:39 pm

    Renato Ferrarini, "não dá para entender" porque vc deve ter batido muito a cabeça no tatame.
    Acontece com alguns caras que agem como vc.

  9. Larissa Andreatta at 6:39 pm

    Renato Ferrarini, "não dá para entender" porque vc deve ter batido muito a cabeça no tatame.
    Acontece com alguns caras que agem como vc.

  10. Larissa Andreatta at 6:51 pm

    Jose Tito, mas veja bem, ele foi ofensivo. Ser mulher ou gay ou qq outra forma, foi ofensivo e não deveria ser =(
    Sei lá, ele poderia falar que quem luta com chutes é cavalo (eu seria um pq tb luto em pé rs) e não usar o gênero de cada pessoa como forma de ofensa.

  11. Larissa Andreatta at 6:58 pm

    Jose Tito =(
    São nessas horas que não deveríamos mais tratar ninguém assim, principalmente nós que praticamos lutas em que sempre devemos respeitar nosso adversário e o outro ser humano.
    P.S.: depois de ser chamada de idiota um fofa foi demais *-* hehehe

  12. Lauro Ramos Azuaga at 7:39 pm

    Larissa Andreatta, eu comecei a ler e ainda estou rindo muito… Mas estou rindo pelo debate. Quanto o referido assunto que causou o debate, concordo com você e não pelo ponto de vista seu, meu ou deles. Acredito que já deveriam mudar a forma de se referir a muitas coisas principalmente se tratando de gênero! Fala-se tanto de igualdade e na verdade falta mesmo o bom e velho respeito. Minha opinião quanto a chute de mulher: tem muito cara por aqui que apanharia muito de muitas lutadoras. Mulheres sabem bater também mas homens não sabem amar como mulheres. Mas precisam delas e precisam respeitar. Mulheres foram condicionadas pelo machismo, igreja e sei lá mais oque a ficar em casa lavando roupa e cozinhando. A capacidade de uma mulher, homem e qualquer outro ser não vem do gênero e sim da força de vontade, dedicação, persistência e tantas outras coisas que definem qualquer ser vitorioso!
    Respeito galera! É só isso que necessitamos!
    É chato pra uma mulher ouvir ou ler "Ele bate como uma mulher" referindo-se a fraqueza para baixar o moral.
    Então deixo a minha: Tem "mulheres que batem como homens" Então fiquem espertos.
    Parabéns a você Larissa! Vi que é uma lutadora e o esporte deve enobrecer o ser humano.

  13. Larissa Andreatta at 7:46 pm

    Lauro Ramos Azuaga, poxa, obrigada! Sem palavras! <3
    Mas a Padma tb fez coro comigo então isso vale para ela tb.
    Sério, vc me deixou sem palavras. Precisamos de mais homens que são como vc e o Marco (que infelizmente deletou os comentários dele, mas deixou umas mensagens bacanas aqui).
    Enfim, eu só acho que ainda dá para correr atrás e acertamos muita coisa para a próxima geração que tá vindo aí.

  14. Lauro Ramos Azuaga at 8:06 pm

    Larissa Andreatta Com certeza somos nós os responsáveis pelo que vem a seguir. Falta só um pouco mais de sensibilidade e respeito entre as pessoas. É como falar que mulher dirige mal. Não viram minha mãe indo pra fazenda todo fim de semana deixando Rangers, S-10, Saveiros e outros carros pra traz ou atolados (detalhe que ela usava um fusca 83). Dirigia como o Toreto de Fast & Furious. (nunca teve uma multa ou advertência em mais de 40 anos com sua CNH.
    Ela nunca praticou esportes mas deu porrada em muito homem, separou briga de faca, e sempre foi independente cuidando de um filho mimado (eu…kkkkkk)…

    Dou os parabéns a você que é mulher. Ser mulher não é sinônimo de fragilidade. Pra mim é muito pelo contrário. As mulheres dão conta de superar muito mais dificuldades e várias ao mesmo tempo. Deus não deu mais força física as mulheres pq vocês nem precisam. São muito mais sábias e agem com o coração.
    Não são vocês que precisam aprender a lutar ou ser mais fortes, nós homens que precisamos aprender com vocês.

  15. Larissa Andreatta at 8:08 pm

    Jose Tito, não tinha visto a sua mensagem…
    Olha, o seu tempo chegará e tem muita mulher querendo fazer JJ e que tem seus receios e tem aquelas que fazem e estão doidas para terem um namorado com essa lógica de "quem for finalizado lava a louça", já fiz isso e posso te garantir que é bom demais! hehehe

  16. Larissa Andreatta at 8:11 pm

    Lauro Ramos Azuaga mais homens como vc!
    Sorte da mulher que for a sua esposa, filha, mãe, amiga, colega de trabalho e tatame!! <3
    Que homens sigam os seus exemplos!
    P.S.: novamente sem palavras x)

  17. Larissa Andreatta at 8:11 pm

    Lauro Ramos Azuaga mais homens como vc!
    Sorte da mulher que for a sua esposa, filha, mãe, amiga, colega de trabalho e tatame!! <3
    Que homens sigam os seus exemplos!
    P.S.: novamente sem palavras x)

  18. Ícaro Nascimento at 11:28 am

    Também não gostei do comentário da personagem do Stallone, mas vamos esperar o filme aí pra ver se muda essa nossa perspectiva.

  19. Eduardo Augusto at 11:43 am

    Não vi ofensa alguma em falar q chutes é coisa de menina, meu Deus. Quer dizer q se não existissem mulheres no UFC e elas comentassem q é coisa para homem estariam sendo ofensivas??? Procure algo mais interessante p se preocupar.

  20. Eduardo Augusto at 11:43 am

    Não vi ofensa alguma em falar q chutes é coisa de menina, meu Deus. Quer dizer q se não existissem mulheres no UFC e elas comentassem q é coisa para homem estariam sendo ofensivas??? Procure algo mais interessante p se preocupar.

  21. Eduardo Augusto at 11:45 am

    Larissa Andreatta Não vi ofensa alguma em falar q chutes é coisa de menina, meu Deus. Quer dizer q se não existissem mulheres no UFC e elas comentassem q é coisa para homem estariam sendo ofensivas??? Procure algo mais interessante p se preocupar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *