John Lineker alerta seu adversário no UFC: “Vai sofrer no octógono”

Share it

Lineker vem de três vitórias consecutivas no UFC. Foto: UFC/Divulgação

Invicto em suas três últimas lutas pelo UFC, John Lineker entra na reta final de preparação para o terceiro compromisso em 2013. Daqui a um mês, o “Mãos de Pedra” enfrenta Phil Harris, no UFC Fight Night 30, dia 26 de outubro, em Manchester, na Inglaterra, com um objetivo claro em mente: vencer bem mais uma vez e atrair os olhares dos organizadores do evento para uma possível disputa do cinturão peso-mosca.

A luta entre Lineker e Harris original estava marcada para o UFC 163, no Rio de Janeiro, porém uma lesão tirou o inglês do evento e mudou os planos do Ultimate, que escalou José Maria “Sem Chance”. Agora, o “Mãos de Pedra” espera não ter mais nenhuma surpresa para o confronto, apenas colocar em prática a dura rotina de três treinos por dia, com descanso apenas no domingo e uma sessão a menos no sábado.

“Ele vai sofrer no octógono. Estou treinando muito e sei que não posso vacilar tão perto do objetivo, que é o cinturão. Vou estar 100% para essa luta, vou buscar um excelente resultado e entrar na disputa pelo título”, garante. “Não mudei muito os treinos, só busquei aprimorar mais o wrestling e o Jiu-Jitsu, e busquei novos professores de boxe para afiar mais a mão”.

No comando dos treinos de Jiu-Jitsu de John Lineker está Marcelo Ribeiro; no Wrestling Alexandre Caldas “He-Man”, enquanto o muay thai fica sob cuidados de Ericson Lima e o boxe com Macaris do Livramento.

Se o objetivo primário é a vitória, o foco é sempre pelo cinturão da categoria peso-mosca, porém com cautela. O atual campeão Demetrious Johnson enfrentará Joseph Benavidez na luta principal do TUF 18 Finale, em Las Vegas, EUA, em 30 de novembro.

“O cinturão é o objetivo, claro, mas procuro não pensar tanto nisso. Vou em busca de um bom combate e da vitória sobre o Phil Harris, e deixo nas mãos do UFC decidir quando terei minha oportunidade”, afirma Lineker, apontando Johnson como favorito para a disputa de título. “Acompanho todas as lutas dos adversários da minha categoria, especialmente as do campeão. Vai ser um lutão, igual foi a primeira, bem apertada, e aposto no campeão”.

(Fonte: Assessoria de imprensa)

Ler matéria completa Read more

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *