Jungle Fight 56 coroa Mário Israel com o cinturão de pesos-galos

Share it

Mário Israel recebe o cinturão do Jungle em Foz do Iguaçu. Foto: Divulgação

Pela primeira vez no estado do Paraná, o Jungle Fight 56 apresentou lutas empolgantes e levantou os cerca de três mil presentes ao Ginásio de Esportes Costa Cavalcanti, na cidade em Foz do Iguaçu. Na luta principal, Mário Israel e Reginaldo Vieira protagonizaram o melhor combate da noite. Em um duelo franco e cheio de reviravoltas, Mário Israel levou a melhor e sagrou-se o novo campeão dos pesos-galos da organização. Confira os destaques:

Mário Israel consegue grande nocaute e conquista cinturão dos galos do Jungle Fight

Na melhor luta do evento, Mário Israel mostrou o motivo de ser considerado um dos maiores guerreiros do evento. Após passar por momentos de aperto no primeiro e segundo round, o manauara conseguiu recuperar-se e depois de resistir as investidas de Reginaldo Vieira no chão, aplicou um nocaute no oponente conquistando o título de sua divisão.

No duelo latino-americano, Ivan “Niño Demoledor” derrota Tulio Benegas

Válido pela Liga Latina do Jungle, o mexicano Ivan “Niño Demoledor” e o paraguaio Tulio Benegas fizeram a coevento principal do show. Mais experiente, o mexicano não deu chances para o paraguaio e ao fim do primeiro round, após trabalhar bastante o jogo de chão, encaixou um mata-leão e  fim ao combate.

Dominante, Warlley Alves nocauteia o norte-americano Mike “The Problem” Jackson

Em um dos combates mais esperados do Jungle Fight 56, o norte-americano Mike “The Problem” Jackson e o brasileiro Warlley Alves protagonizaram um duelo eletrizante. Mais confiante desde o princípio, Warlley mostrou muita superioridade na parte em pé, escapou de uma guilhotina, e conseguiu o nocaute ao fim do primeiro round com uma belíssima sequência de socos.

Luan Santana aperta Miller Nunes no triângulo. Foto: Divulgação

“Luan Santana” domina e vence Miller Nunes na luta mais rápida da noite

Com uma postura dominadora desde o começo do duelo, Geraldo “Luan Santana” mostrou que vem aprendendo bastante com seu técnico Cristiano Marcelo, um dos maiores nomes da arte suave aplicada ao MMA, e finalizou Miller Nunes com extrema facilidade. Abusando dos giros no solo, ele conseguiu encaixar um justo triângulo colocando um ponto final na peleja com 1min11s do primeiro round.

No duelo local, Richard Godoy vence e leva o público ao delírio

No primeiro combate da noite, um confronto local ajudou a esquentar o clima dentro do ginásio. Cercados de muita expectativa, Richard Godoy e Willian Vogado começaram se estudando, mas não tardou para ação tomar conta do cage. Mais agressivo, Godoy tomou conta da luta e conseguiu nocautear o adversário ainda no primeiro round.

Jungle Fight 56
Ginásio de Esportes Costa Cavalcanti
24 de agosto de 2013

Mário Israel nocauteou Reginaldo Vieira aos 3m34s do R2

Ivan “Niño Demoledor” Lopez finalizou Tulio Ivan Ortellando Benegas aos 3m28s do R1

Warlley Alves nocauteou Mike “The Problem” Jackson a 1m58s do R1

Thiago “Trator” finalizou Leandro Vasconcelos aos 4m01s do R1

Gerlado “Luan Santana” finalizou Miller Nunes a 1m11s do R1

Fabricio Dias venceu Aldo “El Coloso” Villalba por nocaute técnico aos 2m32s do R1

Pedro Souza venceu Ronaldo Santana por nocaute técnico a 1m10s do R3

Cleiton “Predador” Silva venceu Nivanilson “Chapolin” Gonzaga por nocaute técnico a 1m52 do R2

Giovani de Lima finalizou Miguel Delara aos 2m34s do R1

Richard Godoy venceu Willian Vogado por nocaute técnico aos 2m13s do R1

Ler matéria completa Read more

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *