O arsenal do melhor do mundo no Jiu-Jitsu

Share it

Mais uma vez Buchecha

 

Mais um Mundial de Jiu-Jitsu foi para a conta, e GRACIEMAG esteve lá para trazer a você, leitor, as emoções do maior campeonato de Jiu-Jitsu do mundo. Em meio a grandes estrelas do pano, o protagonista foi aquele que, mais uma vez, figura na capa da sua revista de Jiu-Jitsu.

Marcus Buchecha, pesadíssimo da Check-Mat, foi o grande contemplado do evento ao fechar o pesadíssimo com seu professor, Rodrigo Cavaca, e fazer contra Rodolfo Vieira, seu rival nos tatames, a espetacular final do absoluto faixa-preta. Por isso, GRACIEMAG trouxe em suas páginas, além das fotos e cobertura completa do Mundial 2013, o arsenal de golpes de Buchecha para que você possa complementar seus treinos, bebendo da fonte do um dos grandes atletas do Jiu-Jitsu atual.

 

Tanquinho no topo

Como vencer numa categoria dominada por ferozes como Rafael Mendes e Rubens Cobrinha? Marcelo Dunlop conversou com Augusto Tanquinho, vencedor peso-pena do Mundial, para descobrir quais foram os detalhes da sua conquista, seus próximos passos rumo ao MMA, e como fica na cabeça do atleta essa divisão entre o kimono e as luvas.

 

Os 80 anos de Carlson Gracie

GRACIEMAG presta sua homenagem a Carlson Gracie, que completaria 80 anos em 2013. Dono de uma voz vibrante e líder de um exército no Jiu-Jitsu, Carlson se tornou uma figura mitológica para os praticantes da arte suave. A matéria fala um pouco da história do atleta e professor Carlson, além de analisar seus métodos de ensino contar com depoimentos daqueles que conheciam bem o mestre.

 

O segredo de Werdum em 12 etapas

Após vencer o lendário Rodrigo Minotauro, no TUF Brasil 2 Finale, Fabricio Werdum se coloca entre os tops da divisão de pesados do UFC. GRACIEMAG buscou e listou em 12 categorias a receita de Werdum para vencer o ex-campeão do Pride e do UFC.

 

Argolas para treinar o corpo

para aplicar a força junto com a gravidade em busca do condicionamento físico, Martin Rooney usa as argolas, geralmente deixadas de lado nas academias, para exercitar algumas partes do corpo em diversos planos de movimento.

Ler matéria completa Read more
There are 15 comments for this article
  1. Anderson Boaventura at 2:14 pm

    gosto muito do trabalho da graciemag, mas esse mês….. mas enfim sei que na próxima edição ficará melhor…

  2. Macarius Gallius at 12:27 am

    seguindo a linha dos dois comentários, vou deixar minha opinião, ou a revista retira a Nocaute ou vai ficar difícil, quando vi na capa chamando a atenção para o arsenal de ataques de Buchecha pensei que o atleta viria em um super plano de aula mostrando as posições que fizeram a diferença em cima de Rodolfo Vieira, mas nada disso…. nem Plano de Aula teve, voltem a ser aquela revista de anos atrás, ou vai ficar difícil desse jeito.

  3. Macarius Gallius at 9:08 pm

    Gustavo Caetano, só para você ter uma ideia de como era a revista sem a Nocaute junto, vou te falar o que veio na edição 121 que trouxe Marcelinho Garcia na capa: Plano de Aula: um super drill de guarda aranha com Draculino, na seção Na Academia: chave de braço da montada com Royler e Hélio Gracie demonstrando uma posição do livro Gracie Ssubssion Essentials, Gigi Paiva: da meia guarda para as costas, Rodrigo minotauro: Estrangulamento com a lapela, Bráulio Carcara: Armlock da guarda aberta, Especial ADCC, Bruno Frazatto: defesa do arm drag com ida para as costas, Bianca Andrade: defesa do suplê com single-leg, André Galvão: triângulo de mão, Hannette Quadros: chave de panturrilha saindo do arm drag, Delson Pé de Chumbo: Triângulo da Montada, Titi da GB: guilhotina, Luis feipe Big mac: Defesa do triangulo com pasagem de guarda, e para finalizar duas posições com marcelo garcia: Estrangulamento do 69 e omoplata da guarda sentada….. essa é a Gracie que sinto saudade…..

  4. Gustavo Caetano at 10:13 pm

    Cara, eu ainda sou mais a favor das matérias, escritas, exclusividades, do que posições. Posições se acham aos milhares. Agora as matérias escritas só um veículo como a GracieMag pode trazer, exclusividade.

  5. Macarius Gallius at 1:12 pm

    Gustavo Caetano concordo nesse teu ponto de vista, só que as posições que a gracie mag trazia-e ainda traz-, era riquissíma em detalhes, e sem contar que a revista antiga ainda tinha dúvidas tiradas com Hélio Ventura que era um especialista em suplementação esportiva, tinha uma coluna com uma fisioterapeuta, enfim…..tem que se reinventar. EX: nessa edição que eu citei o marcelinho explica o seu estrangulamento do 69 com uma riqueza de detalhes, desde posicionamento de pegada, altura do quadril, coisa que se você for ver no youtube, você não pegará os detalhes, a não ser que domine bem o inglês, é nesse ponto que falo, mas vamos torcer que melhore, eu coleciono a revista desde 1998. as tenho em caixas, como novas.

  6. Gustavo Caetano at 1:08 am

    Eu também colecione, mas comecei agora, infelizmente haha. Mas realmente, colunas de suplementação esportiva, fisioterapia com certeza é uma boa pedida. Além de tem mta coisa a se explorar no jiu-jitsu além das posições, creio que a graciemag é a ferramenta ideal para trazer isso aos leitores!

  7. Jairo Soares at 11:03 am

    Desculpe admiro muito o trabalho de voces da graciemag, mas o plano de aula ja faz parte da criação da revista,é o ponto alto da revista, muitos a compram em especial pelas posiçoes nela mencionadas e detalhadas, que no momento somente voces tem ou tinham, achei uma falha grotesca a retirada nesta edição.Tomara que avaliem melhor esta decisão na proxima edição.jiu jitsu forever.

  8. Pingback: 80 anos de Carlson Gracie / 80 years of Carlson Gracie | Jiu Jitsu no Boken | 柔術の冒険

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *