O que Jon Jones aprendeu com a derrota de Anderson Silva no UFC 162

Share it

Jon Jones diz se espelhar em Anderson. Foto: Arquivo pessoal

Muito do mundo do MMA foi desmistificado com a derrota de Anderson Silva no UFC 162. Após perder o cinturão dos pesos-médios para Chris Weidman, no último sábado, a figura de um atleta sobre-humano deixou de ser algo tão real no esporte. Anderson Silva era, até então, intocável e não se via nenhum atleta de sua categoria com chances de vence-lo.

Com isso, outros campeão UFC tiveram uma dose de realidade em suas carreiras. Um deles foi Jon Jones. O campeão peso meio-pesado do Ultimate falou, em entrevista coletiva, que absorveu uma grande lição com a derrota do Aranha para o americano Weidman:

“Me motivou muito ver um atleta que eu admiro e me espelho perder, mantém meu ego no lugar. Foi duro ver ele perder daquele jeito. Nunca vou colocar minhas mãos para baixo. Acho o Anderson Silva um lutador magnífico. Ele acredita nos seus dons e se sente confiante com eles. E ele abusou disso, desrespeitou seu oponente.  Os deuses da guerra o fizeram pagar por isso”, disse Jones.

Jon falou também sobre estar em primeiro no ranking peso-por-peso do UFC, ficando no lugar de Anderson após a derrota:

“Significa muito para mim, mas não sinto como se isso fosse real. Meu objetivo é ser o número 1, mas ser o número 1 porque o Anderson perdeu não faz eu sentir que conquistei alguma coisa. Vou continuar treinando para chegar ao meu objetivo. Não sinto que isso foi merecido, na verdade. Quero tornar isso legítimo por meio das minhas performances”, declarou.

E você, leitor, conseguiu tirar alguma lição da derrota de Anderson Silva para seus treinos?

Ler matéria completa Read more

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *