Mike Tyson: “O UFC não é como o boxe, não é um esporte onde há corrupção”

Share it
Mike Tyson com Anderson Silva nos bastidores do UFC 162

Mike Tyson com Anderson Silva nos bastidores do UFC 162. Foto: Divulgação

Convidado da primeira fila do UFC 162, nesse sábado 6 de julho, em Las Vegas, o ex-campeão peso pesado de boxe Mike Tyson conversou com o Sportv, e estava afiado.

Suas declarações, contundentes como de costume, foram curiosas e significativas, num fim de semana em que, para uma massa grande de espectadores, leigos e teóricos da conspiração, Anderson Silva teria perdido para Chris Weidman por conta de algum esquema ou armação por baixo dos panos – ideia que foi tratada como “ridícula” pelo presidente do UFC, Dana White.

Tyson, que falou com o repórter Marcos Peres antes da luta principal do UFC 162, defendeu o MMA das acusações que choveriam a seguir, nas redes sociais do Brasil e alhures.

“Desde que o UFC surgiu ele conquistou a todos pois esse é um esporte limpo, não tem corrupção, não é como o boxe. A corporação trata os atletas como uma família. Os lutadores não são mal tratados, se conhecem e até sentam para comer juntos”, disse Tyson. “É maravilhoso, e os campeões merecem a glória que têm, pois essa é uma atividade que se pratica há milhares de anos, ver quem é o melhor, de forma clara e limpa”.

Perguntado ainda sobre gostaria de ver Roy Jones Jr contra Anderson Silva, Mike foi enfático: “Se o Roy também quiser essa luta como o Anderson, quem não vai querer ver?”.

E para você, leitor, Tyson sabe das coisas?

UFC 162
MGM Arena, Las Vegas, EUA
6 de julho de 2013

Chris Weidman nocauteou Anderson Silva a 1min18s do R2 (Nocaute da noite)
Frankie Edgar venceu Charles Do Bronx na decisão unânime dos jurados (Luta da noite)
Tim Keneddy venceu Roger Gracie na decisão unânime dos jurados
Mark Muñoz venceu Tim Boetsch na decisão unânime dos jurados
Cub Swanson venceu Dennis Siver por nocaute técnico a 2min24s do R3 (Luta da noite)

Card Preliminar

Andrew Craig venceu Chris Leben na decisão dividida dos jurados
Norman Parke venceu Kazuki Tokudome na decisão unânime dos jurados
Gabriel Napão venceu Dave Herman por nocaute técnico a 17s do R1
Edson Barboza venceu Rafaello Trator por nocaute técnico a 1min44s do R2
Brian Melancon nocauteou Seth Baczynski aos 4min59s do R1
Mike Pearce venceu David Mitchel por nocaute técnico aos 2m55s do R2

Ler matéria completa Read more

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.