TJ Grant critica comportamento de Pettis: “É desrespeitoso e sujo”

Share it

TJ Grant chama Anthony Pettis de “sujo” e garante que ninguém lhe roubará o direito de lutar pelo cinturão dos leves do UFC. Foto: UFC/Divulgação

O canadense TJ Grant ainda não engoliu a campanha que Anthony Pettis fez para ocupar o seu lugar na disputa de cinturão contra Ben Henderson.

Pettis desafiou José Aldo e desceria de peso para encarar o atual campeão dos penas no UFC 163, dia 3 de agosto, no Rio de Janeiro. Uma lesão no joelho acabou afastando o americano do card, e desde então ele iniciou um movimento para que o UFC ouvisse seu pedido e permitisse que ele voltasse ao peso de origem (leve) e lutasse pelo título da categoria.

Acontece que TJ Grant conquistou este direito ao vencer Gray Maynard no UFC 160, com um belo nocaute no primeiro round.

Mesmo já tendo aceitado com resiliência o fato, Anthony Pettis não escapou do julgamento do canadense, que o chamou de desrespeitoso e sujo:

“Queria que ele tivesse lidado com isso de um jeito diferente. Ele foi desrespeitoso. Fazer isso com alguém que conquistou o direito de lutar não é certo. Infelizmente, ele se machucou, mas foi sem classe, eu achei. Eu não quis entrar nesse negócio todo de falar. Cheguei aqui de forma legítima e conquistei isso. No fim das contas, o que ele estava dizendo é que queria minha chance de disputar o título, o que foi incrivelmente desrespeitoso. Foi sujo”.

Apesar de ter feito todo o “lobby” para conseguir o combate, Pettis não conseguiu o que queria. Os médicos afirmaram que o lutador não se recuperaria a tempo do evento, que está agendado para dia 31 de agosto, em Milwaukee, terra natal do “Showtime”.

Ainda ao jornal britânico “Daily Telegraph”, Grant mostrou simpatia pelo americano, mas garantiu que este é o seu momento:

“Ele tem 26 anos de idade e é um grande lutador. Acho que ele será campeão um dia, mas este é o meu moment. Já passou. Ele está fora, eu estou dentro. Vai ser uma série de  batalhas contra Benson Henderson. Ele é o cara, e eu quero ganhar desse cara e ser campeão. É o que eu sempre quis”.

Ler matéria completa Read more

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *