Revanche entre Tanquinho e Rafael Mendes à vista?

Share it
Augusto Tanquinho foi o campeao mundial dos penas em 2013 Foto Ivan Trindade

Tanquinho foi campeão mundial dos penas em 2013, contra Rafa Mendes. Eles podem se encontrar sem kimono agora. Foto: Ivan Trindade

Após um Mundial de Jiu-Jitsu recheado de lances emocionantes como de costume, a atenção de muitos astros da faixa-preta (e de muitos fãs) se volta agora para outro charmoso torneio, o ADCC.

Sediado em Pequim pela primeira vez, o charmoso torneio sem kimono será no fim de outubro, e a constelação de craques só faz aumentar.

Logo após o Mundial de Jiu-Jitsu, alguns medalhistas de ouro tiveram o prazer de receber o convite para lutar o torneio idealizado pelo xeque Tahnoon Bin Zayed Al Nahyan em 1998. Augusto Tanquinho e Michelle Nicolini foram dois dos astros convidados.

Nicolini, que perdeu a final da seletiva brasileira para a xará Michelle Tavares, foi convidada para a categoria até 60kg. Campeã mundial no meio-pesado após finalizar suas três lutas, Nicolini volta a sua categoria de origem para lutar sem kimono. Ela é a atual vice-campeã do ADCC também, tendo perdido para Kyra Gracie em 2011.

Já Tanquinho, que levou o ouro na categoria peso-pena do Mundial 2013, falou com GRACIEMAG sobre o convite para o ADCC. Ele vai atuar na divisão até 66kg, e sabe que o povo vai ficar na expectativa pelo seu reencontro com Rafael Mendes, atual campeão da categoria, e também com Rubens Cobrinha, atual vice.

“Meus planos para agora são de continuar meus treinos para o MMA, mas como não tenho nenhuma proposta concreta a curto prazo a meta mais próxima é ser campeão do ADCC este ano, na China. Estou feliz porque acabei de ser convidado, vou lutar até 66kg e pretendo embolar a categoria mais uma vez!”, disse o campeão.

A expectativa pelo evento de outubro é grande. Além de Tanquinho, Rafa e Cobrinha, outro craque certo na divisão mais leve do ADCC é o faixa-marrom João Miyao, campeão da seletiva brasileira, realizada no Maracanãzinho. Outro faixa-marrom que provavelmente deve aparecer em Pequim é Marcio André, campeão na Pirâmide e vice da seletiva, ao empatar sem pontos com João Miyao.

E você, leitor, já tem sua aposta para a divisão até 66kg do ADCC ? Comente conosco.

 

Ler matéria completa Read more
There are 3 comments for this article

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *