Mundial 2013: Buchecha fica com ouro e puxa Cavaca para o topo do pódio

Share it

Marcus Buchecha pega o braço de Igor Silva. Foto:GRACIEMAG

“Esse é seu, não viaja”, disse Marcus Buchecha, para um emocionado Rodrigo Cavaca.

O aluno e o professor da CheckMat fecharam a divisão dos pesadíssimos, este domingo em Long Beach. Rodrigo Cavaca chorou ao superar um surpreendente Abraham Messina, em lance curioso.

Quando Cavaca encaixou o triângulo, o fortíssimo Abraham levantou Cavaca e ficou com ele enrolado no pescoço, no terceiro andar.

Ao sentir o peso do oponente, ele decidiu andar para fora do ringue. A regra é clara: andou para fora da área de lutas, o atleta está desclassificado.

Do outro lado da chave, pouco antes, Buchecha sofreu, mas venceu a pedreira dinamarquesa Alexander Trans por uma vantagem. Festa bonita de aluno e professor. Ao serem chamados no ringue, Cavaca cedeu e Buchecha foi o campeão mundial pesadíssimo. No topo do pódio, Buchecha puxou Cavaca para o topo também.

Antes das semifinais, os fortões do Mundial 2013 vieram neste domingo dispostos a provar de uma vez por todas que não há mais luta parada cheia de empurra-empurra na elite da divisão dos pesadíssimos. E conseguiram. Veja a trajetória das feras da categoria:

Quartas de final:

Marcus Buchecha finalizou Igor Silva no braço
Alexander Trans venceu guerra franca contra Roberto Cyborg na decisão dos juízes

Rodrigo Cavaca pegou Gustavo Elias na chave de pé
Abraham Messina raspou e venceu Ricardo Evangelista por 2 a 0, Evangelista quase passou no último segundo

SEMIFINAIS:

Marcus Buchecha venceu Alexander Trans na vantagem
Rodrigo Cavaca venceu Abraham Messina por desclassificação (andar para fora com o golpe encaixado)

Ler matéria completa Read more
There are 8 comments for this article

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *